é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Entrevista

Publicada em 02 de setembro de 2018 às 18h53

'A gente tem qualidade para fazer jogos melhores', diz Enderson

Treinador lamenta desgaste físico de atletas, mas crê em desempenho melhor nos próximos jogos

Victor de Freitas

2018-09-02-18-46_capaendersonmoreira27
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

Neste domingo (02), o Bahia sofreu uma derrota por 2 a 0 para o Atlético Paranaense, em partida válida pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro. Após a partida, o técnico Enderson Moreira avaliou a atuação tricolor e deu méritos para o triunfo do adversário.

Em sua análise sobre o jogo disputado na Arena da Baixada, Enderson disse ter visto sua equipe desgastada pela sequência de jogos, mas garantiu saber que o time pode apresentar desempenho melhor.

"A gente vai completar 12 jogos assim: quarta e domingo. Só para ter uma idea: nós jogamos em Curitiba hoje, a gente jogou na quarta em Fortaleza e no sábado jogamos contra o Santos. Você vê que são três jogos seguidos fora de casa. Tem que fazer viagem, tem que fazer uma sequência de jogos... Além de ser jogos em sequência, são jogos fora. Causam desgaste. Não é só do jogo. É da viagem, é do aeroporto, é de ficar, é de sair, fazer conexão... A gente tem que continuar enfrentando isso, sem justificar nada, sem pegar bengala. A gente precisa passar por cima. A gente sabe que tem qualidade para fazer jogos melhores. Nossa preocupação tem sido recuperar os atletas e é isso que a gente vai buscar para quarta-feira", disse o treinador.

Enderson também enalteceu o desempenho atleticano e afirmou que o time paranaense foi pleno merecedor do triunfo diante do Esquadrão.

"Eu acho que a gente tem que enaltecer, acima de tudo, o jogo que o Atlético-PR fez. Uma equipe muito bem montada. O Tiago tem ideias que cria dificuldades. Eles deram largura no jogo e isso nos criou dificuldades. A gente tentou ajustar no segundo tempo, até que a gente sofreu menos, mas sofremos os gols. Duas lesões no intervalo, que nos tiram muitas possibilidades de fazer outro tipo de ajuste. O Atlético teve um ótimo jogo, está inteira em termos físicos. A gente está indo para o 10º jogo seguido. Toda quarta, todo domingo, toda quarta, todo domingo. Nenhum tipo de pausa, e isso não é desculpa. Mas a gente não tem todo tempo de preparar com uma semana aberta. Talvez depois do São Paulo a gente tenha essa possibilidade. Falar que o Atlético foi competente e merecedor do resultado pela partida que fez", indicou.

Para o restante da temporada, o treinador acredita que não é um resultado que mudará completamente a situação de um time no campeonato.

"Quando a gente vence um jogo, todo mundo coloca que a projeção é uma. Quando perde, a projeção é outra. Há um tempo atrás, talvez o Atlético-PR tivesse outro tipo de projeção. Agora com a sequência de bons resultados, podem buscar outra alternativa. É difícil falar. Tem equipes que estavam lá em cima, que tão começando a ficar para baixo. É muito cedo para fazer prognóstico. Tem muitas equipes que estão na frente e tem libertadores, Copa do Brasil.... Muita coisa pode mudar ainda", comentou.

O Bahia voltará a campo às 19h30 de quarta-feira (05), contra o Sport, na Fonte Nova.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.