é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Entrevista

Publicada em 29 de setembro de 2018 às 23h39

Auxiliar garante confiança em volta por cima do Bahia na Série A

Luis Fernando Flores garante que Bahia não cai para a segunda divisão

Victor de Freitas

2018-09-29-23-28_capaluisfernandoflores
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

Por conta de suspensão imposta pelo STJD a Enderson Moreira, coube ao auxiliar técnico Luis Fernando Flores a missão de dirigir o Bahia no duelo contra o Flamengo, na noite deste sábado (29). Após o empate em 0 a 0, o profissional avaliar a atuação tricolor e falar sobre o que espera do futuro do time.

Em sua análise sobre o jogo disputado na Fonte Nova, Luis Fernando afirmou ter ficado satisfeito com a atuação do Bahia, apesar de lamentar a ausência do gol.

"(Faltou) o gol. Acho que um pouquinho mais de capricho naquele último passe. E tivemos um pênalti claro. O bandeirinha foi claro pra mim e disse que bateu na mão, mas foi sem querer. Todo pênalti é sem querer. Infelizmente tem essas situações. São coisas do futebol. Acho que a gente está com o grupo, consciente que o grupo é bom e vai sair dessa situação", falou.

Sem vencer há quatro rodadas, o Bahia pode ver o Z-4 se aproximar ainda mais nesta rodada e, na pior da hipóteses, até mesmo entrar no grupo dos quatro últimos em caso de uma improvável, mas matematicamente possível, combinação de resultados.

Para o auxiliar técnico de Enderson, o elenco tricolor tem totais condições de tirar o time de situação incômoda na classificação da Série A. Ele também garantiu confiar na permanência do Esquadrão na Série A.

"Trabalho (para melhorar no campeonato). A equipe do Bahia é muito boa, tem feito nos jogos, Brasil inteiro elogia as partidas do Bahia. A única solução é trabalhar, os jogadores têm como sair. E te falo uma coisa: o Bahia não cai para a Segunda Divisão. Posso te garantir isso", avaliou o auxiliar técnico.

Substituições após os 40 minutos do 2º tempo

"A gente conversou ali, estava vendo desempenho e achamos que seria o momento certo… Bruno sentiu o ombro, e a gente tem sempre que ir pro finalzinho ali. Estávamos gostando também do rendimento do Élber e do Zé, por isso as substituições no finalzinho".

Ausência de gols

"Isso que falei, isso que está faltando. Não só nesse jogo. Nos outros jogos, a gente tem jogado bem, mas está faltando esse detalhezinho para fazer o gol".

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.