é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Mercado

Publicada em 26 de dezembro de 2017 às 18h34

Bahia chega em acordo com o Cruzeiro e terá Élber por três anos

Esquadrão acerta com o meia-atacante em definitivo

Victor de Freitas

2017-12-17-21-08_capaelber
Fonte: Divulgação/Cruzeiro

O Bahia tem mais um reforço encaminhado para a temporada de 2018. Trata-se do meia-atacante Élber, de 25 anos, e que assinará contrato de três temporadas com o Esquadrão de Aço.

Após alguns dias de negociações, Bahia e Cruzeiro chegaram a um acordo financeiro. O Esquadrão vai pagar R$ 500 mil para ter o atleta de maneira definitiva até o fim de 2020.

Com um valor relativamente baixo, a contratação de Élber segue os mesmos moldes de outros negócios feitos pelo Esquadrão desde 2016, quando adquiriu jogadores como Jackson, Edigar Junio, Tiago e, principalmente, Zé Rafael.

O Bahia venceu a disputa com Chapecoense e Sport pela contratação do meia-atacante justamente por se propor a pagar pelo jogador de forma definitiva, enquanto os outros dois clubes fizeram ofertas por empréstimo.

Élber foi revelado na base cruzeirense e realizou sua estreia profissional em 2011. De lá para cá, fez 136 jogos pelo Cruzeiro e marcou 11 gols. Em 2014, atuou emprestado ao Coritiba e em 2015 jogou pelo Sport - onde disputou 55 partidas e anotou 12 gols.

Em 2017, o jogador fez parte do elenco do técnico Mano Menezes, fechando o ano com 39 atuações - sendo 21 pelo Brasileirão. Ao todo, jogou 17 vezes como titular. Marcou um gol.

OUTRAS NEGOCIAÇÕES

O lateral-direito Nino e o volante Elton, ambos ex-Ponte Preta, têm acordos já encaminhados com o Bahia e vão assinar contrato após o final de seus vínculos com a Macaca, no dia 31 de dezembro.

O volante Nilton, sem contrato com nenhum outro clube, é mais um que negocia e é espero que seja anunciado pelo Esquadrão nos próximos dias.

Já a situação de Yan Sasse depende de um acerto financeiro entre Bahia e Coritiba - clube que detém os direitos do jogador até 2020. Enquanto o Coxa quer R$ 500 mil para emprestar o atleta por um ano, o Tricolor ofereceu R$ 200 mil para tê-lo em 2018, com opção de compra.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.