ecbahia.com

é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | História

Publicada em 27 de julho de 2018 às 17h06

Bahia dará auxílio financeiro a Maílson e mais quatro ex-atletas

Lançado neste ano, programa 'Dignidade aos Ídolos' visa auxiliar antigos ídolos tricolores que vivem dificuldade financeira

Victor de Freitas

2018-07-27-16-53_capaprojetoidolos
Fonte: Divulgação / EC Bahia

Em reunião do Conselho Deliberativo do Bahia, realizada no último sábado (21), foram aprovados os primeiros nomes a serem auxiliados pelo programa batizado de 'Dignidade aos Ídolos', que visa auxiliar antigos ídolos do clube que estão vivendo em dificuldade financeira.

O programa utilizará até 0,31% do orçamento do clube até o final deste ano e já tem os cinco primeiros nomes definidos. Os ex-laterais direitos Maílson e Zanata, o ex-meia Alberto Leguelé e os ex-atacantes Jorge Campos e Naldinho serão auxiliados já a partir de agosto.

A bolsa para os ídolos vão variar de um a três salários mínimos, a depender das necessidades atuais de cada ídolo. Os ex-jogadores tricolores vão receber um destes valores até o mês de dezembro. A partir de janeiro de 2019, as bolsas poderão ser renovadas após a aprovação do orçamento para a próxima temporada.

Além destes cinco ex-atletas, outros ídolos também vão começar a receber um determinado valor por parte do clube nos próximos meses. Os nomes ainda não estão definidos.

“Temos agora uma política institucionalizada de auxílio aos ídolos presente no nosso estatuto. Muitas vezes são pessoas que estão envelhecendo e que atuavam em uma época em que os jogadores não tinham planejamento financeiro, não ganhavam bem, não puderam se estruturar e tinham um nível educacional menor, por isso a importância desse programa”, afirma o presidente Guilherme Bellintani.

Uma das inspirações para o lançamento do programa é justamente o ex-lateral Maílson, diagnosticado em 2010 com Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA). Para a esposa do jogador, a ajuda dada ao ex-atleta ao longo dos anos é fundamental.

“Só temos a agradecer ao Bahia por tudo. É uma ajuda essencial para todos nós. Meu marido honrou a camisa do clube em cada momento em que entrou em campo e este reconhecimento do Bahia é uma coisa maravilhosa. Muito obrigado, mesmo!”, comenta Lícia Cavalcante Lima, esposa do ex-jogador.

Como funciona:

A inscrição no programa pode partir do próprio atleta e também de amigos e torcedores, desde que haja aceitação por parte do ex-jogador e de sua família.

O formulário de inscrição e o regulamento completo do programa estão disponíveis aqui e aqui. As requisições devem ser entregues presencialmente na sede administrativa do clube, no Fazendão, aos cuidados do gerente de relações institucionais Humberto Neto.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.