é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Brasileiro

Publicada em 08 de novembro de 2017 às 21h23

Edigar Junio volta a brilhar e Bahia vence o Avaí fora de casa

Atacante marcou os dois gols do triunfo tricolor

Victor de Freitas

2017-11-08-20-44_capaedigarjunnio4
Fonte: Marcelo Malaquias/Divulgação/ECBahia

Na noite desta quarta-feira, o Bahia voltou a vencer atuando fora de casa. Na Resscada, em Florianópolis, o Tricolor manteve o bom retrospecto contra o Avaí e venceu por 2 a 1.

Com o triunfo definido com dois gols de Edigar Junio, o Bahia está mais do que nunca vivo na luta por uma vaga na pré-Libertadores, agora com 45 pontos ganhos, subindo para a oitava posição provisória.

O JOGO

A partida marcou o encontro entre o Avaí, quarto pior mandante, e o Bahia, que busca melhorar seu desempenho fora de casa. Porém, foi o time avaiano quem conseguiu se impor nos primeiros momentos do jogo e saiu na frente.

Aos 16 minutos, o experiente Marquinhos cobrou falta perto da grande área e abriu o placar. A bola ainda tocou no gramado e enganou Jean, que não conseguiu dar o "bote" certo.

Com dificuldades para armar jogadas e penetrar na defesa alviazul, o Esquadrão de Aço chegou ao empate ainda na primeira etapa. E também em um lance de bola parada, aos 32 minutos.

Após cobrança de Juninho - que bateu nas duas traves - a bola sobrou para Renê Júnior, que parou na marcação. No rebote, chegou o goleador Edigar Junio definir o lance e deixar tudo igual.

Com o placar igualado novamente, o final da primeira etapa foi equilibrado no meio-campo. Porém, sem novas oportunidades para nenhum dos lados.

SEGUNDO TEMPO

Já na segunda etapa, o Tricolor voltou a campo com uma postura diferente, buscando se impor perante à defesa avaiana. Porém, foi novamente o time da casa quem conseguiu levar perigo pela primeira vez. Marqinhos invadiu a área tricolor aos 17 minutos, mas foi parado por Jean no momento da conclusão a gol.

Sem realizar mudanças no time, Carpegiani se mostrava satisfeito com a postura de sua equipe em campo. E a opção de não trocar ninguém antes dos 30 minutos, deu resultado.

Aos 33 minutos, Mendoza tabelou com Allione dentro da grande área. O argentino levou para a linha de fundo e deu mais assistência para Edigar Junio garantiu os três pontos fora de casa.

Após abrir o placar, Carpegiani mandou a campo Régis na vaga de Mendoza. Outras substituições foram Feijão por Renê Júnior - que pediu para sair - e Matheus Sales no lugar de Allione.

Nos minutos finais, o Esquadrão de Aço manteve a marcação alta, presionando a saída de bola do Avaí e dificultando as tentativas de atacar da equipe da casa. Mesmo com o triunfo encaminhado, o Bahia quase ampliou o placar, com Régis. Em bola parada nos acréscimos, o Avaí teve a última chance, mas que não deu em nada. QUE TRIUNFO!

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.