é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Entrevista

Publicada em 08 de agosto de 2017 às 17h39

Favorável à efetivação de Preto, Mendoza projeta evolução no returno

Atacante espera por subida de rendimento do time no segundo turno

Victor de Freitas

2017-08-08-17-14_capamendozacoletiva4
Fonte: Felipe Oliveira/Divulgação/ECBahia

Nesta terça-feira, o elenco tricolor retornou ao Fazendão para iniciar a preparação visando a 20ª rodada do Brasileirão. Antes do treino em campo, o atacante colombiano Stiven Mendoza foi quem conversou com a imprensa.

Em entrevista coletiva, Mendoza foi questionado sobre a possibilidade de efetivação de Preto Casagrande como técnico tricolor e demonstrou ser favorável à permanência do interino.

"O Preto é um cara muito competente, está aqui no dia a dia. Tem dois anos no clube. Na verdade, eu pessoalmente respaldo se ele ficar, se a diretoria quiser deixar ele como treinador. Ele é um cara que precisava dessa confiança. Mas a gente tem que esperar um pouco, tudo em seu devido tempo, esperar. Ele tem total respaldo do grupo, temos que mostrar jogo atrás de jogo no campo para respaldar o Preto, dar 100% para o Bahia e para respaldar o Preto, que é uma pessoa muito boa. Vai nos ajudar muito mais. Tem dois anos no clube, conhece os jogadores. Isso vai ser muito importante", disse o colombiano.

Mendoza também avaliou o que espera dos próximos 19 jogos do returno da Série A e garantiu que o time ainda irá evoluir dentro do campeonato.

"Na verdade, é aquilo que falei com a maioria dos meus companheiros. O segundo turno será muito mais importante. O Bahia vai melhorar mais. Nesse primeiro turno, vimos como os clubes jogam. Lógico que eles olharam como o Bahia joga também, mas ficamos com mais confiança. Vários jogadores chegaram na metade do ano, e isso, querendo ou não, atrapalha um pouco. Estamos encaixando um pouco mais, nos conhecendo. Isso vai ficar melhor no segundo turno, com certeza", avaliou.

Autor do segundo gol do Esquadrão no triunfo de 2 a 1 sobre o São Paulo, Mendoza comemorou seu primeiro tento anotado pelo Tricolor no estilo com uma dança à lá "Armeration".

"Na Colômbia, o nome é Salsa Choke. Quando você dança, você vai e “choque”. Aquela que o Mina do Palmeiras faz. Mas vai começar a sair muito melhor. Você vai ver. A gente gosta, isso é importante, fica com alegria dentro de campo e fora do campo. Agora é pensar nos próximos jogos e continuar nessa pegada", explicou.

Mendoza tem 14 jogos pelo Bahia e um gol marcado. Provavelmente com Mendoza como titular mais uma vez, o Bahia encara o Atlético-PR no domingo, fora de casa.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.