é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Brasileiro

Publicada em 30 de julho de 2017 às 17h56

Na Fonte Nova, Bahia decepciona e perde para time misto do Sport

Adversário desfalcado de cinco titulares vence na Fonte Nova

Victor de Freitas

2017-07-30-17-29_caparodrigaoxsport
Fonte: Felipe Oliveira/Divulgação/ECBahia

O Bahia voltou a decepcionar jogando dentro de casa neste Brasileirão e acumulou seu quinto jogo sem vencer como mandante. Contra o Sport, o Esquadrão deixou o campo derrotado por 3 a 1.

Com o revés sofrido na Fonte Nova, o Tricolor não sai do lugar na classificação. Segue em 14º lugar, com 19 pontos e perde a chance de subir na tabela. O próximo desafio será fora de casa, contra a Chapecoense, na quarta-feira (02)

O JOGO

O Esquadrão entrou em campo pressionado para vencer na Fonte Nova, o que não acontece desde a quinta rodada. Entretanto, foi o Sport quem saiu na frente no primeiro tempo.

SPORT SAI NA FRENTE

Nos primeiros minutos do jogo, o time pernambucano conseguiu ter a posse de bola em seus pés e pressionou o Esquadrão em seu campo. O resultado disso foi o gol marcado aos 18 minutos de jogo, com Everton Felipe. O jovem jogador aproveitou passe de Lenis, que roubou bola dos pés de Mendoza perto da grande área.

Pelo lado do Bahia, o quarteto ofensivo montado com Régis, Zé Rafael, Mendoza e Rodrigão pouco incomodava o adversário. O Esquadrão respondeu ao gol adversário com chutes de fora da área, mas sem perigo para Magrão, que defendeu facilmente.

Na metade final do primeiro tempo, o Bahia passou a ter maior controle da posse de bola, mas com pouca eficiência no ataque. Já o Sport quase marcou o segundo em novo contra-ataque, porém Jean defendeu.

A melhor chance do Tricolor aconteceu aos 41 minutos, em um lance fortuito. Após cruzamento na área, a bola sobrou no ar e Renê Júnior tentou uma bicicleta desajeitada. A bola foi na direção do gol, mas Magrão defendeu.

2017-07-30-17-30_caparegisxsport
Fonte: Felipe Oliveira/Divulgação/ECBahia

SEGUNDO TEMPO

Já no segundo tempo, o técnico Jorginho entrou em campo com Juninho na vaga de Régis Souza - improvisando Matheus Sales na lateral-direita.

Após um primeiro tempo sem brilho, o time tricolor voltou para o segundo tempo com uma postura ofensiva e que não demorou para dar resultados.

Aos 11 minutos, o goleiro Magrão evitou o que seria um golaço de Zé Rafael, em forte chute da grande área. Em resposta, o Sport chegou com perigo, com Everton Felipe, e foi Jean quem fez um milagre.

EMPATE TRICOLOR

Porém não demoraria para o gol tricolor sair. Aos 13 minutos, o "lateral" Matheus Sales avançou pela direita e cruzou para a cabeçada letal de Rodrigão. O camisa 39 não deu chances para Magrão e empatou o jogo.

ALEGRIA DUROU POUCO

Mas a reação do Esquadrão foi travada pouco tempo depois, com o segundo gol do Sport, aos 20 minutos. Após bola levantada na área, Lenis chutou na diagonal e Ronaldo Alves concluiu para as redes.

Após levar o segundo gol, o Bahia perdeu motivação dentro da partida e passou a aceitar a troca de passes do adversário.

Para tentar um novo empate, Jorginho optou pelas entradas de Vinícius e Gustavo Ferrareis, porém as mudanças não surtiram o efeito desejado pelo técnico.

No final do jogo, o Sport ainda conseguiu marcar mais um gol. Com extrema facilidade para atacar, o meia Everton Felipe ganhou a bola dos pés de Matheus Reis, entrou na área e tocou para Lenis concluir com tranquilidade para o fundo das redes, definindo o jogo.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.