é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Entrevista

Publicada em 01 de agosto de 2017 às 19h48

Preto vê adversário pressionado e comenta o que espera do Bahia

Técnico interino quer aproveitar pressão do lado do adversário para vencer em Chapecó

Victor de Freitas

2017-08-01-19-44_capapretocasagrande2_1
Fonte: Felipe Oliveira/Divulgação/ECBahia

Nesta quarta-feira (02), o Bahia entra em campo novamente pelo Campeonato Brasileiro. Mas, desta vez, o Tricolor irá encarar a Chapecoense sob o comando interino do técnico Preto Casagrande.

Comandante pela primeira vez de um jogo oficial do time profissional, Preto analisou suas expectativas para o confronto. O treinador disse ver a Chapecoense pressionada para buscar o resultado, mas destacou a importância de um triunfo para o Bahia.

"Na conversa que tivemos, os jogadores opinaram sobre como devemos nos comportar. Lógico que temos que aproveitar as características individuais de cada atleta. Mas temos que ter disciplina tática. Cito o exemplo do Corinthians, marca muito bem, sabe das limitações e tem transição forte. O Bahia tem uma forma de jogar. A pressão vai ser da Chapecoense, joga em casa, vem de derrota, tem que sair para o jogo. Temos que ter comprometimento na marcação. Falei da importância da recomposição e quando roubar a bola, temos jogadores com características ofensivas, o Zé, o Mendoza. Temos que ter equilíbrio. Marcar na hora certa e aproveitar a individualidade de cada jogador", disse o técnico interino, em entrevista ao Programa do Esquadrão.

Sobre a parte tática, Preto descartou fazer alguma mudança tática de última hora e disse que espera saber usar a experiência ganha em 1 ano e meio exercendo cargo na comissão técnica do Bahia.

"Não vamos fazer loucura, mudar muito. Tive uma conversa boa com os atletas. Estão todos atentos para o jogo de amanhã", disse.

"O tempo que estou aqui, desde o início da temporada passada, acho que adquiri o conhecimento de todos os atletas, a nível individual, de tática, técnica. Claro que não tenho tempo para fazer muita mudança, vai na base da conversa, do diálogo. Não dá para querer mudar muita coisa nesse espaço curto. Hoje tive uma conversa com os atletas relacionados, com os 11 que vão iniciar o jogo. Temos que destacar a importância dessa partida de amanhã. A Chapecoense é uma equipe que vai disputar o campeonato todo, equipe do mesmo patamar do Bahia. Temos que ficar atentos, isso vai fazer a diferença. Jogo que vai ser decidido nos detalhes", acrescentou.

A escalação inicial, no entanto, foi mantida em sigilo por Preto.

"Assunto interno, bem discutido. Os jogadores que vão jogar já sabem. Está tudo preparado, montado. A escalação todos vão saber amanhã. Não tem motivo para adiantar. Temos que ter tranquilidade, estar concentrados, atentos para amanhã estar voando e executar da melhor maneira possível tudo o que for solicitado", finalizou.

O Esquadrão entra em campo na noite desta quarta, às 19h30, contra a Chapecoense, em Chapecó.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.