é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Brasileiro

Publicada em 14 de maio de 2017 às 17h54

Que estreia! Bahia aplica goleada sobre o Atlético-PR: 6 a 2

Esquadrão marcou cinco gols no primeiro tempo

Victor de Freitas

2017-05-14-17-39_Capatiagogol_1
Fonte: Felipe Oliveira/Divulgação/ECBahia

De volta à elite, o Bahia realizou uma estreia brilhante na Fonte Nova ao golear o Atlético Paranaense por 6 a 2, com uma atuação dominante e primorosa no primeiro tempo.

Com a goleada aplicada, o Tricolor lidera o Brasileirão na primeira rodada, com quatro gols de saldo. Pela Série A, o Esquadrão vai enfrentar Vasco e Botafogo nas próximas duas partidas, ambas no Rio de Janeiro. Mas, antes disso, o compromisso será pela final do Nordestão, contra o Sport.

O JOGO

Mesmo jogando na Fonte Nova, o começo de jogo não foi dos melhores para o Tricolor, com o Atlético-PR saindo na frente logo em sua primeira investida, aos 14 minutos, gol marcado por Guilherme.

Após levar um gol, o Esquadrão "entrou em campo" e passou a criar mais oportunidades, como em finalizações de Zé Rafael aos 22 e 32 minutos, ambas sem sucesso.

TIAGO MARCA O PRIMEIRO DO BAHIA

Porém, a partir daí, começaria a "enxurrada de gols" no final do primeiro tempo. Tiago aproveitou escanteio cobrado na área e cabeceou firme para empatar aos 33 minutos.

CAP DÁ SUSTO

Aos 37 minutos, o time atleticano deu mais um susto no Tricolor, com o gol marcado por Marcão. Mas nada que fosse abater o time tricolor, valente e com fome de gols.

ZÉ RAFAEL FAZ O SEGUNDO

O empate voltou a acontecer aos 39 minutos - desta vez Zé Rafael acertou o pé. O meia driblou a marcação e fez o gol no rebote do goleiro Weverton.

2017-05-14-17-20_Capaedigarjuniogol
Fonte: Felipe Oliveira/Divulgação/ECBahia

MASSACRE NO FIM DO PRIMEIRO TEMPO

O craque tricolor na temporada, Régis, não deixou de balançar as redes. Aos 41 minutos, o camisa 20 recebeu passe feito por Allione e chutou colocado, marcando seu primeiro golaço no Brasileirão, fazendo a alegria de milhares de cartoleiros.

Com a vantagem no placar, o Bahia ainda marcou mais gols no final do primeiro tempo. Após saída rápida em contra-golpe, Edigar Junio levou a melhor sobre a defesa atleticana e fez valer a "lei do ex". Marcou um golaço diante de sua antiga equipe, fazendo 4x2 para o Tricolor aos 43 minutos.

Nos acréscimos, mais um golaço de Régis. Aproveitando lançamento em profundidade, o meia invadiu a área atleticana e encobriu o goleiro Weverton, ampliando a goleada.

SEGUNDO TEMPO

O ritmo alucinante da primeira etapa foi desacelerado na segunda etapa. Com o placar largo e o triunfo praticamente assegurado, o Tricolor buscava manter a posse de bola e aproveitar para se poupar visando a final do Nordestão, na quarta-feira.

6X2

Com o ritmo do jogo controlado, o Esquadrão seguia com a bola em seus pés por mais tempo. A partir da metade do segundo tempo, o Bahia voltou a pressionar a defesa atleticana e chegou ao sexto gol aos 26 minutos, com o volante Edson.

Na reta final, o Tricolor queria mais. Maikon Leite chegou perto de marcar seu primeiro gol com a camisa do Bahia, mas a defesa tirou a bola perto da linha.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.