é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Brasileiro

Publicada em 02 de novembro de 2018 às 17h24

Zé Rafael desabafa contra críticas: ‘nunca deixei de fazer meu melhor'

"Eu tenho uma cobrança diferente por natureza, mas não como tem sido", diz o meio-campista

Victor de Freitas

2018-11-02-18-04_capazerafael68
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

Destaque pela regularidade de atuações e pelo alto nível de desempenho demonstrado com a camisa tricolor, Zé Rafael vive um momento de críticas e questionamentos sobre seu futebol, especialmente após a penalidade perdida na decisão contra o Atlético-PR.

Jogador ativo em redes sociais, com presença constante em respostas a internautas, Zé Rafael aproveitou uma crítica de uma página que faz cobertura do Bahia no Instagram para desabafar contra críticas que têm recebido nos últimos tempos.

Por meio de um comentário em uma publicação do perfil @historiasdobahea no Instagram, o camisa 10 tricolor admitiu ter sofrido uma queda de rendimento em termos de números, mas salienta também que nem todas as críticas seriam justas. Na opinião do meia, devido ao que ele já demonstrou em campo, as cobranças estão sendo mais duras do que deveriam.

“(...) Acho que a queda de rendimento (números) aconteceu sim, mas o resto é relativo. Quantas vezes o cara joga mal, não faz nada no jogo, mas faz o gol do triunfo e ele é visto como o melhor da partida? Ou quando o cara joga muito (bem) e o time perde, e de nada valeu. Eu sou um cara que já jogou cansado, jogou inteiro, jogou bem, jogou mal, mas nunca deixei de estar ali, tentando fazer o melhor que eu poderia. Algumas pessoas têm visto as coisas com outros olhos, sempre com maldade. Tudo que acontece de ruim hoje, cai no meu color. Sei que por ser uma das referências do time, eu tenho uma cobrança diferente por natureza, mas não como tem sido! Minha consciência está tranquila”, escreveu o jogador.

2018-11-02-18-14_Instagramze
Fonte: Reprodução / Instagram

Sobre a partida que definiu a saída do Bahia na Sul-americana, ele afirma que seu desempenho em campo é de jogador comprometido, além de reforçar sua discordância contra o peso das críticas sofridas.

“(...) Contra o Atlético, corri, disputei, dividi, briguei com juiz, com jogador... Não seria comportamento de alguém que “tanto faz”. Eu queria muito vencer e muito mais fazer o meu gol para tirar esse peso que tenho carregado por muito. Se um dia for para sair, eu hoje acho que sairia pela porta da frente. Joguei mais de 90% dos jogos em dois anos, duas finais de Baiano, duas finais de Copa do Nordeste, quartas da Copa do Brasil, quartas da Sul-americana... Nunca me omiti e infelizmente eu falhei. Poderia ser com qualquer um! Mas, de resto, acho que estão colocado fardos que não são meus para eu carregar”, completou.

Em enquete, torcida aponta motivo para má fase de Zé Rafael

Por meio de enquete promovida pelo ecbahia.com entre os dias 15 de outubro a 2 de novembro, foi perguntado aos internautas qual teria sido o motivo para a queda de rendimento que o meia vinha sofrendo ao longo do mês passado.

Ao todo, foram 4.257 votos computados e que 58,1% afirmam que o meia caiu de rendimento devido ao desgaste físico e à maratona de jogos do Bahia na temporada.

2018-11-02-18-17_enqueteze
Fonte: Enquete ecbahia.com

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.