é goleada tricolor na internet
veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Em Ba-Vi de viradas e expulsões, Bahia é derrotado por 3 a 2 fora de casa

Notícia
Baiano
Publicada em 18 de fevereiro de 2024 às 18:10 por Victor de Freitas

O Bahia perdeu o primeiro Ba-Vi de 2024. Em um jogo de viradas, o Tricolor saiu com a derrota por 3 a 2.

Com a derrota, o Bahia cai para a segunda posição do Baianão, com 13 pontos, com a Juazeirense assumindo a ponta, com 14. O rival fica em terceiro lugar, também com 13 pontos ganhos.

A próxima partida será contra o Moto Club, pela Copa do Brasil, na quarta-feira (21). O jogo acontecerá em São Luís-MA.

O JOGO

A primeira etapa foi marcada por ritmo intenso de ambos os lados, o que gerou um gol no começo da partida e uma virada antes do intervalo.

Com apenas cinco minutos, o Esquadrão levou um susto com o gol marcado por Osvaldo, que recebeu passe após domínio do atacante Alerrandro no meio dos dois zagueiros tricolores.

Ao sair atrás no placar, com dificuldades para criar jogadas, o Esquadrão se viu com a obrigação de aumentar sua presença ofensiva e não demorou para chegar ao empate.

Em um contra-ataque de almanaque iniciado por Jean Lucas, a bola foi passada para Cauly, que pôs Everaldo em velocidade. O centroavante brilhou com uma assistência sob medida para Thaciano empatar o jogo, aos 15 minutos.

Após o empate, o Tricolor quase levou o segundo gol também em um contra-golpe. Osvaldo recebeu lançamento em profundidade e partiu livre a partir do meio-campo, parando em uma grande defesa de Adriel.

Antes do intervalo, brilhou a estrela de Everton Ribeiro. O camisa 10 tricolor aproveitou um cruzamento preciso feito por Juba e cabeceou para virar o jogo.

Já o segundo tempo teve contornos diferentes do que havia terminado a etapa inicial, com o Vitória buscando exercer pressão pelo gol de empate, já que atuava em casa.

Nos primeiros minutos de pressão, o time da casa assustou em jogada pelo lado esquerdo do seu ataque, que terminou em chute de Osvaldo por cima do gol. O atacante rival apareceu livre na grande área mais uma vez.

O Bahia, por sua vez, finalizou pela primeira vez no segundo tempo somente aos 17 minutos, em chute de Gilberto que foi bloqueado pela zaga.

Com um gol de vantagem, o Esquadrão tentava diminuir a intensidade da partida, que era favorável ao adversário na parte inicial do segundo tempo. Mas a postura conservadora tricolor não funcionou, com a expulsão de Rezende aos 26 minutos.

Ao ficar com um a menos em campo, o Bahia viu o rival se lançar ainda mais ao ataque e chegar ao gol de empate aos 29 minutos, com Osvaldo, antes de Rogério Ceni conseguir realizar as substituições com o objetivo de repor o espaço deixado na defesa com a expulsão de Rezende.

Sem conseguir voltar criar jogadas ofensivas, o Bahia ainda levou a virada aos 38 minutos em lance de escanteio. Alerrandro cabeceou na pequena trave, Adriel não conseguiu espalmar para fora e o rival reassumiu a liderança do placar, definindo o jogo.

comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros.
O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios
impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

enquete

Após mais de 50 jogos pelo Bahia, como você avalia o trabalho de Rogério Ceni?
todas as enquetes
casas de apostas brasileiras