é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Brasileiro

Publicada em 12 de outubro de 2021 às 23h27

Bahia pressiona, cria chances, mas empata em 0x0 com o Palmeiras

Tricolor de Aço permanece no Z-4 por mais uma rodada

Victor de Freitas

bahiaxpalmeiras1
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

O Bahia encarou o Palmeiras, na Arena Fonte Nova, e ficou no empate em 0 a 0. A partida foi válida pela 26ª rodada.

Com o empate em casa, o Esquadrão continua ocupando a 17ª posição e precisará torcer contra adversários diretos na luta contra o rebaixamento para não se complicar ainda mais na classificação.

A próxima partida será contra o América Mineiro, no sábado (16), às 21h.

O JOGO

No retorno da nação tricolor às arquibancadas, 4.500 torcedores representaram a torcida na Fonte Nova.

Em campo, o primeiro tempo de jogo foi marcado por equilíbrio na posse de bola e por dificuldades na criação de jogadas por parte de ambos os times.

Pelo lado do Esquadrão, Dainel aparecia como o “pensador” no meio-campo, mas eram pelas pontas que as jogadas aconteciam, com Raí na direita e Capixaba na esquerda.

As dificuldades dos times aconteciam devido às defesas bem postadas. Assim, eram chutes de fora da área que levavam mais perigo.

E foi assim que o goleiro Danilo Fernandes fez uma grande intervenção aos 37 minutos. Após bola perdida pelo Esquadrão perto da grande área, Luiz Adriano chutou forte e parou em grande defesa do arqueiro tricolor.

Já na etapa complementar, o Bahia assustou a torcida com erros na saída de bola que quase resultaram em contra-golpes perigosos do adversário.

Porém, desta vez foi o goleiro Jaílson quem precisou trabalhar para manter o placar zerado. Aos 13, Gilberto chutou forte e obrigou uma bela defesa do arqueiro palmeirense. As 16, foi Daniel quem parou em uma boa intervenção.

E era Jaílson o grande nome do jogo no segundo tempo. Isso porque, o Bahia conseguia pressionar no campo ofensivo e criar jogadas perigosas. Aos 26 minutos, Mugni acertou chute no canto esquerdo e novamente o goleiro palmeirense fez grande defesa.

O Esquadrão passou a ficar com um atleta a mais em campo a partir do minuto 37, quando Wesley acertou o rosto do lateral Guedes com a chuteira.

Com um a mais em campo, o Tricolor de Aço manteve a postura agressiva em busca do gol do triunfo, com ainda mais pressão. No entanto, o gol não saiu.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.