é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Brasileiro

Publicada em 25 de abril de 2021 às 22h04

CBF pede afastamento de narrador e comentarista do jogo do Bahia

Equipe da MyCujoo já foi afastada atendendo a pedido da CBF

Douglas Santana

Sede da CBF
Fonte: Divulgação

Neste domingo (25), as Mulheres de Aço jogaram pela 3ª rodada do Brasileirão A-1 e ficaram no empate em 2 a 2 diante da equipe do Napoli-SC. A partida foi transmitida pela plataforma MyCujoo.

Uma fala do comentarista Edson Florão chamou a atenção do público e repercutiu imediatamente nas redes sociais.

"... especialmente, o sistema defensivo da equipe do Bahia, que está aí com a sua vantagem de estatura, com esses cabelos exóticos, pelo menos uma meia dúzia. A Nine (lateral-direita), tem o cabelo mais exótico, me parece, dessa equipe do Bahia", disse.

Em seguida, o narrador Paulo Cesar Ferrarin, complementou: "Verdade. Eu até estava brincando com esses cabelos, parecia a Margareth Menezes".

Com a repercussão nas redes sociais, o narrador ainda tentou se justificar e chegou a falar que estaria elogiando as cantoras e que o telespectador que comentou de forma negativa nas redes sociais estaria com "mi mi mi".

Horas após o final da partida, a CBF, através da página da competição nacional feminina, emitiu a seguinte nota no Twitter:

"Durante a partida Napoli x Bahia, pelo Brasileiro Feminino A-1, a equipe de transmissão do MyCujoo fez comentários preconceituosos direcionados a atletas do Bahia. A CBF lamenta profundamente o ocorrido e informa que solicitou ao MyCujoo que os profissionais fossem afastados imediatamente das transmissões, o que foi prontamente atendido pela plataforma. Não podemos admitir que o futebol seja palco para esse tipo de comportamento."

Margareth Menezes, que é citada pelo narrador, publicou em suas redes sociais neste domingo à noite a seguinte nota:

"O fatídico episódio de hoje, durante o jogo Napoli x Bahia, em que comentários preconceituosos foram direcionados às atletas e à artista Margareth Menezes, é algo que não pode ocorrer. Sobretudo em tempos em que estamos discutindo e ampliando diálogos sobre racismo, machismo e sexismo. É absurdo, impensável e inadmissível que discursos como esses sejam normalizados. Agradecemos todo apoio do E.C.Bahia, da CBF e de todas as pessoas que se manifestaram nas redes sociais."

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.