é goleada tricolor na internet
veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Com falhas, Bahia aparece entre as piores defesas da Série A em três rodadas

Notícia
Brasileiro
Publicada em 24 de abril de 2024 às 11:40 por Victor de Freitas
Defesa tricolor falha em gols nas três rodadas iniciais
Foto: Tiago Caldas / EC Bahia
Foto: Tiago Caldas / EC Bahia

três rodadas disputadas no Brasileirão, o Bahia tem uma campanha de uma derrota, um triunfo e um empate. O saldo negativo tem ficado por conta da defesa.

Um dos maiores problemas assinalados ao longo das competições regionais, o sistema defensivo tem gerado problemas no início da Série A, resultando em uma cobrança pública feita por Rogério Ceni: “nosso defeito é tomar gols com facilidade”, disse o técnico.

Nas três rodadas disputadas, o Bahia tem cinco gols sofridos (média de 1,6 por jogo) e aparece na lista das piores defesas:

  • Atlético-GO, Cruzeiro e Juventude – 6 gols sofridos
  • Bahia, Cuiabá, Fluminense e Vasco – 5 gols sofridos
  • São Paulo e Botafogo – 4 gols sofridos

As melhores defesas são de Palmeiras e Atlético-MG, que levaram um gol em três partidas.

Os gols sofridos pelo Bahia até então no Brasileirão:

Na maioria dos gols sofridos, houve pelo menos um erro defensivo que oportunizou o adversário a balançar as redes com facilidade.

  • Internacional 2×1 Bahia

Primeiro gol do Inter sai em um arremesso lateral cobrado direto para a área tricolor, terminando em finalização.

Segundo gol do Inter acontece após escanteio em que nenhum defensor corta e sobra para cabeçada na segunda trave.

  • Bahia 2×1 Fluminense

Apesar da virada com a situação do gramado da Fonte Nova na ocasião, o início de jogo foi marcado por uma falha grave de saída de bola gerada por Santi Arias.

  • Vitória 2×2 Bahia

Primeiro gol do adversário ocorre em erro de tempo de bola de Gabriel Xavier, que errou a cabeçada. Matheusinho achou a cabeçada e concluiu no rebote.

O segundo gol mais uma vez em escanteio, dessa vez na primeira trave. Marcos Felipe sequer consegue sair da pequena área para golpear a bola.

Foram dois gols no segundo tempo contra o Inter, com erros na defesa, perdendo de virada; um gol sofrido nos minutos iniciais diante do Fluminense; e mais dois gols em falhas defensivas no Ba-Vi.

Em 2023, o Bahia sofreu 53 gols em 38 partidas, uma média de 1,4 por partida disputada.

Quer receber notícias do Bahia no seu WhatsApp? Clique aqui e entre no nosso grupo exclusivo para notícias do Esquadrão!

comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros.
O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios
impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

enquete

Após mais de 50 jogos pelo Bahia, como você avalia o trabalho de Rogério Ceni?
todas as enquetes
casas de apostas brasileiras