é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Brasileiro

Publicada em 09 de julho de 2022 às 13h28

Enderson mostra confiança nos jovens do elenco do Bahia

No retorno ao Bahia, treinador volta a apostar nos jovens que já estavam no elenco

Victor de Freitas

andre4
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

Uma das marcas deixadas por Enderson Moreira em sua primeira passagem pelo Bahia foi escalar jogadores jovens, independentemente do momento da equipe. Foi assim que firmou Ramires como titular aos 18 anos, e deu a primeira chance a Borel como profissional aos 16 anos.

No retorno ao clube, o treinador novamente adota uma postura de utilização dos jovens que já estavam no grupo, mas que agora atuam com mais frequência.

Contra o Vila Nova, fora de casa, o Bahia teve cinco jogadores que eram do sub-20 em 2021.

Os laterais André e Douglas Borel, o volante Miqueias, o meia-atacante Gregory e o atacante Marcelo Ryan foram os jovens jogadores usados por Enderson no jogo desta última sexta-feira.

André e Miqueias são os casos mais notáveis. A dupla ainda não havia iniciado nenhum jogo da Série B como titular antes da chegada do novo treinador.

No caso do volante, ele ainda nem sequer havia atuado uma vez como reserva na segunda divisão. Com Enderson, foi utilizado contra o Grêmio e já assumiu a titularidade contra o Vila, nas ausências de Rezende e Emerson Santos, inclusive passando à frente de Falcão.

Já Gregory vinha ganhando minutos com Guto. Desta vez, ele conseguiu marcar seu primeiro gol para evitar a derrota do Bahia fora de casa.

Em contrapartida, nomes como Warley e Zé Vitor, contratados na última janela de transferências, ainda não jogaram com Enderson.

Substituições feitas no jogo

Enderson explicou o motivo que o fez tirar André de campo e avaliou as demais alterações feitas no decorrer da partida, as quais afirmou ter buscado dar mais gás ao time com os jovens atletas.

“De uma maneira muito clara, a primeira substituição, do André, menino de 18 anos, já estava amarelado, enfrentando um jogador de muita velocidade. Poderia fazer uma falta e ser expulso, pela juventude dele, a gente achou mais prudente fazer. Não era uma substituição que a gente gostaria de fazer, até acho que o André estava muito bem no jogo. As demais foram em cima de tentar colocar a equipe mais ofensiva, com jogadores fisicamente mais frescos. A gente teve um crescimento, foi mais agressivo, conseguiu chegar mais, incomodar mais, até conquistar o nosso gol e tentando buscar o gol que nos desse o triunfo”.

Contra o Athletico Paranaense, é possível que Miqueias seja mantido na equipe em razão dos desfalques de Rezende e Emerson Santos. Já Gregory disputará a vaga de Rildo.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.



casas de apostas brasileiras