é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Brasileiro

Publicada em 20 de julho de 2021 às 17h19

Preparador faz estimativa para estreia de Rodallega no Bahia

Centroavante colombiano está em fase de recondicionamento físico no CT

Victor de Freitas

rodallega3
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

Hugo Rodallega é um dos reforços mais recentes do Bahia. Ele está no clube há quase uma semana e tem realizado treinamentos de recondicionamento físico após o fim da temporada europeia. O momento de sua estreia foi projetado pelo preparador físico tricolor.

Entrevistado do dia no CT Evaristo de Macedo, o preparador Luiz Andrade comentou sobre o início de trabalho do centroavante colombiano no Esquadrão e afirmou que ele está passando por um período de treinos que já seria adotado mesmo se tivesse condições de jogo.

“Na realidade, quando atleta chega aqui, nós realizamos todas avaliações, para entender em que momento esse atleta está. E o Rodallega chegou depois de um mês praticamente parado treinando por si só em academia, fazendo corridas leves. Então, ele necessariamente já iria ter pelo menos uns 15 dias de recondicionamento. Tivemos primeira boa semana boa com ele, com trabalho de força e aeróbicos. A partir dessa semana, vamos introduzir trabalhos com bola com ele. Trabalhos com bola e físicos estão aliados. Então, é uma evolução para ele nessa semana começar a trabalhar com bola”.

Por ter vindo de fora do país, Rodallega só poderá estrear após a reabertura da janela de transferências, no dia 1º de agosto.

Segundo o preparador do clube, o colombiano terá condições físicas para estrear o mais rápido possível, assim que seu nome estiver publicado no BID.

"Esperamos que, depois dessa semana, desses dez dias, quando estiver apto para entrar em campo nas questões burocráticas, ele vai ter condição de participar dos jogos já".

Sobre Mugni, Luiz Andrade projeta uma adaptação mais rápida.

"A palavra é adaptação. Adaptação ao clima, estilo de treinamento. Isso requer tempo, que provavelmente a gente não tem. A memória muscular e experiência desses jogadores fazem com que se adaptem rápido. E esperamos que seja assim com Mugni".

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.