é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Entrevista

Publicada em 08 de outubro de 2021 às 13h27

Bellintani cita erros táticos de Dabove e detalha escolha por Guto

Presidente destaca os motivos que fizeram o clube optar pelo retorno de Guto Ferreira

Victor de Freitas

bellintani52
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

O presidente Guilherme Bellintani realizou uma aparição ao vivo no programa Jogo Aberto Bahia, da TV Bandeirantes, na tarde desta sexta-feira (09). Dentre os assuntos comentados na entrevista, o dirigente tricolor detalhou os motivos que fizeram a diretoria tomar a decisão de contratar Guto Ferreira.

Reafirmando sua posição de que a vinda de Dabove foi um erro grave, Bellintani afirmou que a escolha por Guto Ferreira tem como objetivo de dar resultados no curto prazo, por se tratar de um treinador que conhece o contexto ao qual o clube está inserido neste momento.

“Além do erro, o maior problema seria persistir no erro. Tenho muita humildade em dizer que se eu errei, tenho que consertar. E consertar rapidamente, porque não temos tempo a perder. A vinda de Guto Ferreira tem esse objetivo. Primeiro, trazer um treinador que conheça a realidade do nosso clube, já vem para a terceira passagem no Bahia. Já trabalhou com mais da metade dos jogadores que estão no nosso elenco. Ele conhece bastante a qualidade do futebol”.

O presidente tricolor também falou sobre as questões táticas que levaram a diretoria a chegar a um consenso pelo retorno de Guto.

“(...) É um treinador que consegue proteger melhor a nossa defesa, tem essa característica, sem significar necessariamente ser retranqueiro. Ele é um treinador que tem um foco no resultado, protegendo a defesa e buscando um ataque mais rápido, com um jogo de transição ou até mesmo propositivo, a depender do adversário. Portanto, optamos por corrigir rapidamente o nosso erro para não ficar defendendo teses de coisas que a gente não acredita, de manutenção e longevidade, se a gente entende que o resultado não vai chegar. Com esse espírito, Guto já treinou o time ontem e hoje, e esperamos começar uma grande virada para mudar o clima e os resultados, pois estamos precisando”.

Dificuldades táticas de Dabove no Bahia

Bellintani também fez novos comentários sobre o trabalho de Diego Dabove no Bahia, destacando as dificuldades táticas que o argentino demonstrava ter, tanto nos treinamentos, mas principalmente na montagem das escalações.

“Já na chegada dele, vimos a dificuldade muito grande de conhecimento dos atletas e dos adversários, a curto prazo, além do perfil de treinamento. Também a característica de time. Eu entendia e defendia sempre que precisávamos de um time mais protegido e às vezes entrávamos com quatro ou cinco atacantes em campo. Nosso problema nunca foi o ataque, mas, sim, a proteção da zaga. Muita gente critica nossos zagueiros e eu discordo, pois é injusto colocar nos zagueiros a única responsabilidade. Um time como a gente, que está sofrendo tantos gols, não pode entrar com apenas um volante de proteção. Não que eu defenda um time retrancado, mas enquanto não melhorarmos a nossa característica de tomar tantos gols, não podemos pensar em um time ofensivo. Digamos assim, é uma atitude, de certa forma, até que preza pela irresponsabilidade, quando queremos ter um time ofensivo demais e tomamos muitos gols”.

Confiança para fugir do Z-4

“Estamos confiantes nisso. Guto Ferreira é um treinador experiente e veio com esse objetivo. Estamos confiando demais que vai acontecer isso, que vamos virar essa chave. Está no momento adequado, no clima adequado, para a gente fazer essa virada de chave no clube. O torcedor merece demais”.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.