é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Entrevista

Publicada em 10 de junho de 2021 às 13h38

Dado avalia início de Óscar Ruiz no Bahia: ‘está contribuindo'

Treinador fala sobre início de trajetória do paraguaio após 14 partidas no clube

Victor de Freitas

oscar4
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

Óscar Ruiz chegou ao Bahia após uma negociação que durou algumas semanas e envolveu um investimento de R$ 2 milhões no total das parcelas. Dois meses e meio depois, o jogador ainda busca conquistar mais minutos em campo e engrenar como esperado.

Jogador de 30 anos, Ruiz atraiu a atenção tricolor depois de temporadas de destaque com a camisa do Cerro Porteño no futebol paraguaio. O contrato assinado é válido até 2023.

Em seu primeiro jogo com a camisa do Esquadrão, aumentou ainda mais a empolgação de torcedores por ter marcado um gol logo que entrou em campo. E é sua única participação em gol até então.

Ruiz acumula um total de 14 partidas com a camisa tricolor, sendo que quatro delas foram como titular na Sul-americana e as demais entrando no segundo tempo.

Avaliação de Dado Cavalcanti sobre o paraguaio

O desempenho do jogador tem deixado dúvidas entre torcedores e foi motivo de pergunta para o técnico Dado Cavalcanti em entrevista coletiva após a partida contra o Vila Nova.

Na opinião do treinador tricolor, as expectativas que foram criadas em torno da contratação do paraguaio aumentam a ansiedade do atleta.

“O Óscar vem treinando bem, fazendo aquilo que lhe é peculiar. É um jogador extremamente voluntarioso, que está procurando fazer até mais do que se espera dele. Temos que ter um pouquinho mais de tranquilidade nas expectativas e na realidade, nas expectativas que foram criadas e na real condição de jogo dele. Ele está contribuindo, não podemos passar ainda mais ansiedade”.

Diante do Vila Nova, Ruiz novamente entrou em campo e disputou os 10 minutos finais da partida. Para o técnico do Esquadrão, o desempenho do jogador está dentro do esperado.

“Ele fez uma partida agressiva, foi para confrontos individuais, talvez ainda com um pouco de ansiedade para finalizar e dar o último passe, mas tudo dentro do que entendo que é natural para a condição e sequência dele”, completou Dado.

O próximo jogo do Bahia será no domingo (13), contra o Internacional, pelo Brasileirão.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.