é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Entrevista

Publicada em 09 de junho de 2021 às 22h12

Dado enaltece classificação com triunfos nos jogos de ida e volta

Treinador falou sobre a atuação tricolor em Pituaçu

Victor de Freitas

dado35
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

O Bahia avançou para as oitavas de final da Copa do Brasil depois de eliminar o Vila Nova nesta quarta-feira (09), com um triunfo em Pituaçu. Após a partida, o técnico Dado Cavalcanti comentou sobre aspectos relativos ao jogo.

A terceira fase tem sido marcada por zebras que já tiraram times como Palmeiras, Cruzeiro e Chapecoense, que foram eliminados por times de Série B e Série D.

Por essa razão, o técnico Dado Cavalcanti afirmou que os dois triunfos obtidos pelo Bahia contra o Vila Nova precisam ser enaltecidos, pelo fato de manter o Esquadrão com 100% de aproveitamento na Copa do Brasil.

“A competição é muito traiçoeira. Estamos refletindo um jogo em que vencemos em casa por 1 a 0, enquanto vários adversários, vários concorrentes, inclusive com porte muito maior, estão chorando uma desclassificação, ficaram pelo meio do caminho. Vamos enaltecer o que aconteceu hoje. Nos classificamos vencendo as duas partidas. Isso significa que estamos 100% no campeonato e sabemos também que enfrentaremos na próxima fase adversários possivelmente mais bem preparados, mas estamos também bem fortes no campeonato”.

Assim como no jogo de ida contra o Vila Nova, o Bahia voltou a criar muitas jogadas, mas a desperdiçar quase todas elas. Para Dado Cavalcanti, a atuação do goleiro Georgemy foi o principal motivo.

“Criamos muito. Tivemos 11 chances claras de gol em um jogo. Destaco também a atuação do goleiro do Vila, para mim teve uma atuação estupenda. Acho que foi o melhor em campo, mesmo com a falha no gol do Gilberto. Inclusive, houve o erro forçado por Gilberto. Se ele não está pressionado, a bola não entra. Digamos que hoje não tivemos tanta tranquilidade no momento de fazer a conclusão, mas valorizo também a criação. E em condições normais, sabemos que conseguimos fazer mais gols do que foi hoje”.

Vai priorizar treinamentos de finalizações?

“Não tem tempo para fazer prioridade nenhuma para treinamento, infelizmente. A prioridade é descanso, estamos em uma batida muito grande. A maioria do grupo, por exemplo, só vou ter nas mãos no sábado para fazer um treino mais leve, de ajustes táticos para o jogo contra o Inter. Essas correções mais finas ou mais específicas vão ficar em segundo plano, pensando exclusivamente na recuperação”.

Atuação de Matheus Galdezani

“Eu valorizo o jogo que Galdezani fez. No jogo passado, a primeira partida com Galdezani e sem o Daniel, tivemos um pouco de dificuldade pela ausência de Daniel. Hoje, nem tanto. Foi adaptação, tivemos uma conversa, duas sessões de treinamentos para ajustar o posicionamento dele. Provou sua qualidade. Espero que ele possa manter esse nível de apresentação. Com ele em campo, ganhamos muito na bola parada. Hoje foi absurdo as bolas que ele conseguiu colocar nos escanteios. Entendo que seja um ganho, desde que ele mantenha regularidade e intensidade de jogo, e que a gente possa conseguir as adaptações com ele jogando”.

Thonny Anderson na posição de origem

Não é que ele segue como opção para Gilberto. Posso dizer que posso usar o Thonny em várias funções. Tive a primeira oportunidade, é verdade, de posicioná-lo com o Gilberto em campo. Isso facilita. Mas eu não posso confirmar nem uma condição e nem a outra. O Thonny está aí para nos ajudar, é um jogador extremamente técnico, que com a bola nos pés é diferenciado. Quero ter o Thonny em campo mais vezes. No lugar do Gilberto ou como meia, na sua real posição, ao lado do Gilberto.

Substituições no segundo tempo

“Foi pensando no difícil jogo contra o Vila. Foram jogadores que estavam perdendo rendimento. O Rossi sentiu câimbras, o Gilberto estava mais desgastado do que o natural. Isso faz com que o desgaste sempre seja levado para a próxima partida. Nossa sequência de jogos é absurda e naturalmente jogadores vão levar resquício de hoje para o próximo jogo. Cabe a mim ter a perspicácia de ter a percepção da perda de rendimento, para que não comprometa o jogo de agora e pensar no próximo jogo apenas no futuro”.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.