é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Entrevista

Publicada em 16 de janeiro de 2023 às 12h03

Diego Rosa diz que acerto com o Bahia é a realização de um sonho

Volante promete versatilidade para ajudar o Esquadrão

Victor de Freitas

diegorosa1
Fonte: Reprodução / Youtube

Volante de 20 anos, Diego Rosa assinou em definitivo por cinco temporadas com o Bahia. No Esquadrão de Aço, o ainda jovem atleta, agora ex-Manchester City, afirma que chega ao Tricolor para realizar um sonho de infância.

Apesar de ter sido revelado na base do Vitória e com passagem pelo Grêmio, antes de ser negociado ao Grupo City, Diego Rosa cresceu em Salvador como torcedor do Esquadrão, assim como diz que sua torcida também é tricolor.

Hoje, mais maduro, com rodagem no futebol europeu, ele se vê preparado para realizar o sonho com a possibilidade de agregar ao clube.

“Vou chegar mais preparado. Como na seleção sub-17 eu ainda era jovem, aqui no Bahia eu chego mais maduro e mais feliz por estar vestindo a camisa do Bahia, que é o meu sonho de criança e de toda a minha família. Vou representar muito bem as cores do Bahia”.

“Era meu sonho de criança jogar no Bahia. Eu sempre quando passava pela Fonte Nova eu falava para minha esposa que um dia vestiria a camisa do Bahia. E hoje estar vestindo essa camisa é uma honra, a realização de um sonho”.

Estilo de jogo no Bahia

Volante de origem, Diego Rosa se destaca por entregar versatilidade por onde passou. No Bahia, ele diz estar pronto para jogar da forma que o técnico Paiva optar.

“Não tenho uma característica só. Vou jogar leve e solto. Na Bélgica, eu joguei em sete posições diferentes: de zagueiro, lateral, volante e até atacante. Então no Bahia eu chego para agregar em qualquer posição que o técnico me colocar para jogar”.

“Atrapalha um pouco por não jogar na sua posição sempre, mas é bom para o atleta ter rodagem de jogar em várias posições, pois estou pronto para jogar da forma que o mister precisar”.

Nos treinamentos de pré-temporada, Rosa atuou como volante. E essa é a sua função de origem, como um jogador que tanto marca, como também ataca.

“Sou um jogador box-to-box, tenho uma característica bastante física, de pisar na área e chutar no gol. Minha grande característica também é de passe longe”.

Pronto para jogar

"O jogador precisa estar sempre preparado. Em Portugal eu já estava treinando bastante, então eu chego aqui bem preparado para quando o mister precisar eu estar apto para jogar os 90 minutos".

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.