é goleada tricolor na internet
veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Diretor cita motivo que fez o Bahia não contratar centroavante na janela

Notícia
Entrevista
Publicada em 14 de agosto de 2023 às 12:15 por Victor de Freitas

santoro11
Fonte: Reprodução / Youtube

Além do cargo do técnico Renato Paiva, outro tema frequente entre os torcedores do Bahia é o fato e o clube não ter contratado um novo centroavante na janela de julho.

Maior responsável pelas contratações feitas para o Esquadrão, o diretor de futebol Cadu Santoro falou, em entrevista feita respondendo a perguntas dos sócios, sobre como aconteceu a busca por um camisa 9 no mercado, valorizando também quem já está no grupo.

“Primeiro, gostaria de valorizar os atletas que temos nessa posição. Everaldo é um jogador que, naturalmente vemos críticas, mas é o nosso artilheiro e jogador com mais participações em gol. E o Mingotti, em outro perfil, um jogador jovem e de mais finalização na área, que jogou e teve um destaque em uma competição de Série B. A gente vê uma possibilidade de desenvolvimento”.

Na opinião do dirigente, não foi encontrado nenhum centroavante que fizesse justiça aos valores que foram exigidos por seus clubes e representantes.

“O que posso falar para o torcedor é que para centroavante e outras posições, temos um departamento de scouting liderado pelo Fabrício Souza, que trabalha no Grupo já há mais de três anos. A gente vem olhando o mercado, analisando as oportunidades, falando com clubes e agentes, e chegou um momento que as opções que teriam no mercado teriam condições que não acreditamos que o atleta vale”.

“O City Football Group, como um todo, tem uma maneira de avaliar preço de jogador, valor de mercado, potencial de crescimento ou redução de valor, e as opções que tínhamos visto disponíveis no mercado, não condizem. Até de uma maneira que o torcedor pode confiar no nosso trabalho, fazendo loucuras, ficando fora do orçamento ou endividando o clube no futuro, optamos por não fazer esse movimento”.

Com isso, foi feita a escolha de Rafael Ratão por causa da lesão sofrida por Kayky e por ele ter características que permitem o técnico Renato Paiva o utilizar como camisa 9 em eventuais situações.

“E no paralelo a isso, optamos por trazer um jogador que também pudesse jogar por dentro. São características totalmente distintas, mas o Ratão também é um jogador que pode fazer aquela função em uma determinada situação que o Renato escolha para o jogo. Olhamos para o mercado não só para essa posição, como para outras, mas não encontramos no mercado opções com valor de mercado dentro do orçamento”.

Everaldo e Vinicius Mingotti são os únicos centroavantes no elenco.

comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros.
O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios
impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

enquete

Após mais de 50 jogos pelo Bahia, como você avalia o trabalho de Rogério Ceni?
todas as enquetes
casas de apostas brasileiras