é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Entrevista

Publicada em 23 de janeiro de 2021 às 16h17

Empresário critica Bahia em negociação para renovar com atacante

Daniel Cruz, do time sub-20, ainda não se reapresentou em 2021 por falta de acordo para renovação contratual

Victor de Freitas

2020-09-27-15-58_capadanielsub20

O atacante Daniel foi um dos titulares e destaques do Bahia na campanha de finalista da Copa do Brasil sub-20. O jogador ainda não foi integrado nem ao elenco principal e nem mesmo ao time de transição por conta de dificuldades envolvendo a renovação do vínculo.

Após o técnico Dado Cavalcanti afirmar que o jogador não foi integrado ao grupo profissional por conta de um “imbróglio” na negociação do novo contrato, foi a vez de o empresário do jovem jogador criticar publicamente a postura da diretoria do Bahia.

“Nos últimos dias, tomei conhecimento através da imprensa de que um “imbróglio” nas negociações estaria impedindo do atacante ser utilizado na equipe principal. Muito pelo contrário, a última pessoa do clube que falou comigo, chegou a me questionar se o Daniel estava realmente pronto. Falou até que um outro garoto, vindo da Série D, estaria a frente dele. Essa é a prova desse equívoco notório e que, não há nenhuma notícia de que Daniel tenha recebido uma única chance de treinar”, disse o empresário Marcelo Pacheco, ao ge.globo.

Além disso, o agente do jogador também afirma que a proposta inicial feita pelo Bahia foi um insulto.

“É importante frisar que, o salário atual dele já está defasado em relação ao mercado. A proposta foi, em síntese, um insulto. Tão abaixo que, na verdade, o aumento não se equipara aos descontos salariais ocorridos na carteira de trabalho, agravado ainda por seu modelo de contrato nefasto, no qual efetivamente Daniel só passaria a receber o novo salário em agosto de 2021. Prudentemente, optei por aguardar as finais da Copa do Brasil Sub-20, para transmitir ao meu associado as verdadeiras intenções de seu empregador, a fim de não lhe causar prejuízos emocionais antes do fim da competição”, acrescentou.

Ainda de acordo com o empresário, Daniel inicialmente tinha reapresentação marcada para o dia 11 de janeiro, com o time de transição. Em seguida, foi notificado de que iria se reapresentar com a equipe sub-20, no dia 25 de janeiro, sendo excluído do grupo de Whatsapp do time sub-23.

“Ficou claro e evidente a tentativa arbitrária e intempestiva de alguns que, utilizando-se da grandiosidade do E.C Bahia, pa

 

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.