é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Entrevista

Publicada em 14 de setembro de 2021 às 11h56

Lucas Araújo detalha trabalho com Dabove e celebra titularidade

Volante agradece ao treinador argentino por sequência no time

Victor de Freitas

araujo3
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

Novo titular do meio-campo do Bahia, o volante Lucas Araújo vem ganhando cada vez mais importância no time montado pelo técnico Diego Dabove. Segundo ele, a orientação que foi passada é de que sua função é de ser o equilíbrio da equipe.

Em entrevista coletiva na Cidade Tricolor, Araújo celebrou o momento como titular do Bahia e deu detalhes do trabalho e da conversa junto ao técnico Diego Dabove, que lhe fizeram crescer no time.

“Importância total do Mister. Me deu bastante confiança, falou que eu jogasse com personalidade, fizesse o que eu vinha fazendo durante os treinamentos. Foi de grande importância porque eu precisava de sequência”.

Satisfeito com seu desempenho contra o Santos, o volante também afirma que o trabalho feito por Dabove surtiu efeito.

“O Mister me orientou bastante. Falou que eu era o equilíbrio da equipe. Foi o que passou nesse jogo contra o Santos. A gente não tomou um chute ao gol no primeiro tempo. Foi uma equipe bastante vertical. O jogo diz por si próprio o quanto a gente vem melhorando na parte defensiva”.

Segundo Lucas Araújo, o motivo pelo qual vinha atuando mal e recebendo críticas é porque entrava em momentos ruins das partidas, com Dado Cavalcanti.

“Não vinha tendo sequência, sempre entrava em um momento que a equipe não estava muito bem na partida, estava sofrendo. Mas isso é passado. Vinha me preparando, foquei, deixei redes sociais de lado. Quando a oportunidade veio, pude dar sequência e ajudar a equipe”.

Acostumado com cultura de estrangeiros no elenco

“Vim de uma escola, do Grêmio, que tinha muitos estrangeiros. Com muitos estrangeiros no Bahia, a gente vem aprendendo. Até a comissão técnica, muito disciplinada, nos cobra bastante, pede o foco o tempo inteiro. Vem nos ajudando bastante”.

Intensidade pedida por Dabove

“Vem nos ajudando bastante. Os jogos dizem por si próprio. A gente vem evoluindo tanto na parte defensiva quanto ofensiva. O professor pede intensidade o tempo todo. Nos treinamentos é do mesmo jeito. Fala para a gente não se contentar com pouco, sempre querer mais”.

Como lida com críticas

“Foi fundamental eu estar junto da minha família. É o meu alicerce. Tive que ter muita resiliência. Não foi fácil. A equipe não vinha em um momento bom, mas isso já passou. A gente vem em uma crescente. Tem que olhar para frente e buscar querer mais. A gente vai buscar crescer”.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.