é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Entrevista

Publicada em 05 de maio de 2022 às 15h17

Patrick comenta estilo de jogo e garante busca por evolução

Meio-campista reconhece: 'muito a melhorar ainda'

Victor de Freitas

patrick20
Fonte: Felipe Santana / EC Bahia

Patrick é um dos titulares do meio-campo tricolor desde o início de 2021. Foi assim com Dado Cavalcanti, Diego Dabove e vem sendo visto como peça importante pelo técnico Guto Ferreira.

Após ter realizado jogos como capitão da equipe no começo de 2022, Patrick tem conquistado mais uma grande sequência de jogos na equipe tricolor, sendo pelo segundo ano consecutivo um dos atletas com mais jogos disputados.

Apesar de ‘cornetado’ por torcedores, o volante recebeu elogios do técnico tricolor. Ele também fez uma avaliação do seu próprio estilo de jogo, motivo de seguir na equipe inicial.

“Acho que foi boa (a atuação contra o Londrina), mas tenho muito a melhorar ainda. Vejo todos os meus vídeos e sei o que tenho que melhorar e evoluir ainda mais e os pontos que eu tenho errado bastante. Gosto de estar vendo meus vídeos para estar evoluindo sempre. Acho que sou importante na construção ali de trás. Acho que se não fosse os gols, teríamos que roubar bola e construir, e a gente faz esse papel lá atrás”.

Jogo contra o Azuriz

A próxima partida da temporada é encara como uma incógnita no Bahia. O adversário continua sendo pouco conhecido, enquanto o gramado e o estádio são totalmente desconhecidos de quase todos os jogadores do elenco - exceto para Rezende, que já atuou no Azuriz.

Patrick comentou sobre o que espera do jogo decisivo diante do time paranaense e afirmou que, seja jogando bonito ou feio, o Bahia precisa da classificação.

"Sabemos que não será uma partida nada fácil. Um jogo muito complicado. Mas nosso time, independente de condições do estádio ou do campo e outras adversidades, precisa ir para construir o resultado. A gente tem que estar pronto para fazer um jogo bonito ou feio, mas sair com a classificação. É isso que estamos colocando na mente”.

Mudanças táticas durante as partidas

Guto também relatou que vem modificando o estilo de jogo, principalmente do meio-campo tricolor, mesmo sem alterar peças da equipe. Um dos jogadores que mais fazem o movimento de trocar de posição em campo é Patrick, que falou sobre a estratégia.

“Acho que é bom. Estamos trabalhando vários modelos durante a semana porque não sabemos como o adversário vem para nos bloquear. Então, conforme a gente vê o espelho deles no campo, recebe a instrução da comissão para fazer outra função ou a gente mesmo mudar a forma como está jogando, para se adaptar e levar a bola para a frente”.

Patrick de Lucca tem 22 anos e realizou 57 atuações pelo Bahia em 2021. Já em 2022, são 21 jogos disputados, além de três jogos na temporada 2020.

Com uma temporada e meia no time profissional do Bahia, de janeiro do ano passado até então, já contabiliza 81 atuações, quatro gols e três assistências.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.