é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Entrevista

Publicada em 24 de janeiro de 2023 às 12h18

Raul Gustavo cita busca por reação e confiança no estilo de Paiva

Zagueiro diz que derrota não vai não vai mudar o estilo de jogo do Bahia

Victor de Freitas

rgustavo2
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

Vindo de derrota para o Sampaio Corrêa, o Bahia já volta a campo nesta quarta-feira (25) em busca de reação na temporada. Entrevistado na véspera do jogo, o zagueiro Raul Gustavo falou sobre o momento da equipe após revés e a importância de manter o padrão tático.

Titular e um dos únicos que atuaram por 90 minutos em todas as quatro partidas, o zagueiro admitiu que a derrota abalou o time, mas garante que a lamentação ficou para trás e o foco está na busca pelo triunfo diante do Jacobinense.

Seguindo o discurso adotado pelo técnico Renato Paiva, o defensor tricolor também fez questão de enaltecer o estilo de jogo e a criação de jogadas contra o Sampaio Corrêa, apesar de a bola não ter entrado.

“Querendo ou não, a derrota abala um pouco o grupo porque estamos sempre buscando o triunfo. Mas estamos consistentes da partida que fizemos, que foi o que o mister pediu: manter a bola e criar jogadas igual ao que aconteceu no jogo. Vamos trabalhar sempre nessa função de ter a bola para ter mais finalizações e sair com o triunfo. Já esquecemos a derrota e vamos focar no próximo jogo para ajudar o Esquadrão”.

Raul Gustavo também entende que a derrota no começo da temporada serve como lição para que a equipe não repita erros na sequência do ano.

“É claro que a gente sente pela derrota, até porque foi a primeira e da maneira que foi. Quem assistiu, viu que o Bahia criou muitas chances claras e até perdeu um pênalti. Então, a nossa maneira de jogar está sendo muito bem feita e passada pelo treinador. Creio que a derrota veio cedo para a gente melhorar o mais rápido possível para esse tipo de erro não acontecer mais”.

Trabalho com Renato Paiva

A menos de um mês trabalhando sob o comando do treinador português do Bahia, Raul Gustavo demonstra confiança no estilo de jogo proposto pelo treinador.

“Eu acho que quem está dentro de campo está sujeito ao erro. Não podemos colocar o erro em um atleta só, até porque jogam 11. Nosso estilo de jogo é esse, é de se impor em campo, é tentar a todo momento ter a bola, focar sempre no objetivo que é o triunfo. Isso não vai mudar o estilo de jogo, até porque estamos no início de uma grande temporada. Só serve para amadurecermos e estarmos prontos para os próximos jogos”.

Ele respondeu também à pergunta sobre uma comparação entre o português Vitor Pereira, com quem trabalhou no Corinthians, e o técnico tricolor.

“Acho que os dois têm um estilo parecido, até porque com o Vitor (Pereira) não era diferente, ele gosta de zagueiro com bom passe e boa leitura de jogo para ter saída de bola mais tranquila. Não é diferente com Renato (Paiva). Ele está me deixando à vontade em campo para mostrar meu trabalho, sair com a bola quando tiver confiança. Fico feliz por ele entender meu plano de jogo e eu entender o plano dele. O planejamento dele é ideal para o meu crescimento”.

Chance de crescer na carreira

“Ainda estou em fase de crescimento, mas estou muito feliz aqui. O Bahia abriu uma porta muito grande para mim aqui. Sei que daqui eu vou alavancar muito mais a minha carreira. Estou sentindo muita vontade aqui nesse grande clube. Estou muito feliz e assim podemos exercer nossa função da melhor maneira”.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.