é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Mercado

Publicada em 14 de novembro de 2022 às 14h29

Alvo do Grupo City, dirigente do Palmeiras diz: ‘o futuro nem eu sei'

Na mira do City para o Bahia, profissional também é desejado pela CBF e para uma continuidade em seu atual clube

Da Redação

jpaulosampaiopal
Fonte: Divulgação / Palmeiras

João Paulo Sampaio é um dos alvos do Grupo City para o comando do futebol profissional do Bahia desde o primeiro semestre, quando as primeiras informações sobre o tema surgiram na mídia local e nacional.

Com o fim da temporada, o dirigente ‘campeão de tudo’ na base do Palmeiras tem novamente seu futuro colocado em dúvida não só pela imprensa, mas também por ele mesmo.

Internamente, a diretoria palmeirense quer permanecer com JP Sampaio, mas ainda há incertezas, principalmente pelo fato de que Anderson Barros deve continuar como Executivo de futebol profissional.

Sendo assim, para permanecer no Palmeiras ele precisaria aceitar continuar no mesmo cargo que ocupa desde 2016.

Além de um interesse do Grupo City, levantado pelo canal Bara Bahêa ainda no mês de abril, João Paulo também já recebeu contato da CBF para comandar as divisões de base da Seleção Brasileira no próximo ciclo de Copa do Mundo, a partir de 2023.

Já segundo o jornalista Jorge Nicola, o profissional terá de decidir entre uma dessas três opções.

Sobre o futuro, João Paulo Sampaio garante ainda não ter nenhuma definição.

“Dá para cravar a história e o legado que eu tenho. Não sei do futuro, já tive seis propostas para times profissionais, nem vou falar quantas para times de base e sempre fiquei no Palmeiras. Não vou controlar o que os outros vão falar, vou controlar o que eu quero. Sou muito feliz aqui, sou orgulhoso e contente por todos os dias trabalhar com pessoas maravilhosas. Mas não dá para saber o futuro, porque o futuro cravar nem eu sei”, disse o gestor da base do Palmeiras, ao repórter Junior Venezi, da TNT Sports.

Carreira

Baiano de Feira de Santana, João Paulo Sampaio tem 45 anos, é formado em Educação Física, com MBA em Gestão Esportiva.

Ele tem uma trajetória de mais de 20 anos no rival Vitória, onde jogou como atleta de 1991 a 1999, foi treinador de base no início dos anos 2000 e, posteriormente, assumiu de vez a base rubro-negra de 2009 a 2014.

No rival, conseguiu as façanhas de levar o time ao título da Copa do Brasil sub-20 em 2012 e ao título da Copa do Brasil sub-17 em 2015.

Entre 2014 a 2015, seu último ano no rival, atuou como diretor de futebol profissional.

No Palmeiras desde maio de 2015, ele acumula pelo menos um título em cada uma das grandes competições disputadas pela base alviverde, principalmente a nível nacional.

No total, são 57 títulos e 28 vices nas equipes de base do Alviverde ao longo desse período.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.