é goleada tricolor na internet
veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Lembra dele? Atacante ex-Bahia é dispensado por clube da Série D

Notícia
Mercado
Publicada em 1 de junho de 2024 às 09:16 por Victor de Freitas
Jogador tem 38 anos e disputou apenas quatro jogos pelo clube
Thiago ribeiro ex-bahia
Foto: Divulgação / EC Bahia

Thiago Ribeiro teve uma passagem pouco marcante pelo Bahia em 2016. Contratado com status de “estrela” para a Série B daquele ano, não atingiu o nível esperado e, segundo o ex-presidente Marcelo Sant’Ana, foi o “maior erro da sua gestão”.

Atualmente com 38 anos, o atacante está nos últimos momentos da carreira como atleta profissional e sofreu uma dispensa inesperada nessa semana.

Ribeiro foi dispensado pelo Patrocinense-MG depois de apenas um mês no clube.

A equipe mineira convive com problemas financeiros e optou por se desfazer dos salários mais altos. O atacante havia disputado apenas quatro partidas na Série D do Brasileirão.

Antes do time da quarta divisão nacional, o atacante jogou pelo Catanduva, da terceira divisão paulista, no primeiro trimestre de 2024.

Clube mineiro acerta contratação de Thiago Ribeiro, ex-Cruzeiro e Atlético  - Rádio Itatiaia
Foto: Divulgação / Patrocinense

Passagem do atacante pelo Bahia

Em 2017, Thiago Ribeiro tinha o maior salário do elenco que disputava a Série B, mas não conseguiu se firmar como titular, com dois gols em 26 jogos.

“Thiago Ribeiro foi minha pior contratação. Disparado. Mas a gente também aprende na dor. Depois de Thiago Ribeiro, eu nunca mais contratei um jogador acima de R$ 150 mil no Bahia”, afirmou o ex-presidente Sant’Ana, em 2020.   

Segundo o próprio atacante, o motivo de não ter rendido com a camisa tricolor foi além do futebol.

“O fato de eu não ter conseguido render o que posso não teve relação com jogador, ninguém da comissão, nada, nada, nada. O grande empecilho foi justamente a questão física. Por causa da questão da depressão”, revelou, ao então repórter do Correio*, Bruno Queiroz, em 2016.

Depois que saiu do Bahia, o atacante conquistou dois títulos de Série B, com Red Bull Bragantino e Chapecoense. Também passou por Santos, Londrina (2018 e 2022), Guarani, Novorizontino e desde 2023 circula por times “pequenos”, como Democrata-MG, Catanduva-SP e Patrocinense-MG.

comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros.
O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios
impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

enquete

Após mais de 50 jogos pelo Bahia, como você avalia o trabalho de Rogério Ceni?
todas as enquetes
casas de apostas brasileiras