é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Mercado

Publicada em 12 de novembro de 2022 às 16h59

Especulado no Bahia, técnico Antônio Carlos Zago deixa o Bolívar

Treinador foi ventilado como possível nome para comandar o Bahia em 2023 em vários momentos de 2022

Da Redação

zagobolivar
Fonte: Divulgação / Bolivar

O técnico Antônio Carlos Zago foi um dos primeiros nomes especulados para o Bahia com o Grupo City. Neste sábado (12), o treinador teve sua saída confirmada pelo Bolívar.

"Anunciamos a saída do professor Antônio Carlos Zago, agradecendo profundamente o trabalho incansável na liderança da equipe e o título conquistado nesta temporada, desejamos a ele o maior sucesso em seus desafios futuros", escreveu o clube.

Técnico do Bolívar de 2021 a 2022, Zago obteve 42 triunfos, 12 empates e 23 derrotas em um total de 77 jogos. Sua equipe marcou 162 gols e sofreu 68.

Em 2022, o time boliviano conquistou o título do Apertura e estará na Libertadores de 2023.

Agora ex-clube de Zago, o Bolívar está em terceiro lugar no Clausura 2022, restando quatro rodadas que foram adiadas.

Na Libertadores deste ano, o time comandado por Zago foi eliminado na segunda fase preliminar.

Carreira de Antônio Carlos Zago

Atualmente com 53 anos, comanda times profissionais desde 2009, quando estreou pelo São Caetano, passando pelo Palmeiras em seguida.

Seu início de carreira foi marcado por passagens por times do interior paulista, como Barueri, Mogi Mirim e Audax. Entre 2012 a 2014, foi auxiliar técnico de clubes como Roma e Shakhtar Donetsk.

No retorno ao Brasil, em 2015, voltou a se destacar treinando o Juventude até 2016. No ano de 2017, ganhou uma nova chance em um grande clube ao dirigir o Internacional.

No mesmo ano, passou por Fortaleza e Juventude na Série C, até chegar ao Red Bull Brasil em 2018. Permaneceu trabalhando no clube-empresa até 2019, quando chegou ao seu melhor trabalho no Brasil, até então.

Foi transferido para o Red Bull Bragantino para a disputa da Série B e terminou o ano com o título e grande destaque.

Antes de chegar ao Grupo City para treinar o Bolívar, passou um ano e meio no Kashima Antlers, de 2020 a 2021.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.