é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Mercado

Publicada em 23 de novembro de 2022 às 10h13

Freeland fez 16 contratações no Bahia; poucos ficam para 2023

Um time montado pelos reforços de Freeland subiria de divisão? Avalie aqui

Da Redação

freeland9
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

Eduardo Freeland chegou ao Bahia em março com a missão de ajudar a levar o clube de volta à elite do futebol brasileiro. Ao fim da temporada, sua atuação no futebol profissional contou com 16 contratações.

Dentre os reforços trazidos na ‘era Freeland’, Davó e Jacaré foram os destaques nos números – terminaram como artilheiros do Bahia na Série B.

Por outro lado, houve atletas que nem sequer estrearam no Brasileirão ou que só entraram em campo por poucos minutos durante a competição.

Os 16 reforços de Eduardo Freeland no Bahia:

  • Goleiro: César
  • Lateral: Marcinho
  • Zagueiros: Zé Vitor, Didi e Gabriel Noga
  • Volantes: Emerson Santos e Falcão
  • Meias: Warley e Ricardo Goulart
  • Atacantes: Vitor Jacaré, Davó, Rildo, Igor Torres, Ytalo, Copete e Caio Vidal.

Já Enderson Moreira e Eduardo Barroca foram os técnicos trazidos pelo gestor do futebol tricolor em 2022.

Quem foi titular na última rodada?

Na rodada mais importante do ano, que foi a última, apenas três desses jogadores foram titulares (Jacaré, Vidal e Goulart).

Marcinho seria o quarto, mas estava suspenso. Davó ficou no banco por opção técnica.

Quem fica para 2023?

Dos jogadores contratados pelo diretor de futebol em 2022, Vitor Jacaré e Caio Vidal possuem vínculo para 2023 e devem se confirmar no elenco que pelo menos começará o ano.

Copete tem contrato para 2023, mas já está saída. O mesmo acontecerá com Zé Vitor e Falcão, ambos vinculados para o ano que vem e que não fazem parte dos planos.

Dos que possuem contrato no fim, Ricardo Goulart, até o momento, é o único que já afirmou ter negociações para renovar.

Ainda não há nenhuma informação sobre a situação de Matheus Davó.

Quanto aos demais, alguns saíram do clube antes do fim da Série B e quem ficou para o restante da temporada está dando adeus ao fim do contrato.

Será que um time montado apenas com os reforços de Freeland subiria de divisão? Deixe seu comentário!

Também avalie o trabalho do diretor de futebol na enquete disponível na página principal do ecbahia.com.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.