é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Mercado

Publicada em 20 de dezembro de 2022 às 11h23

Será que vem? Atacante do New York City aparece em Salvador

Meia-atacante de 21 anos foi adquirido pelo City Group neste ano

Da Redação

nycgabriel
Fonte: Divulgação / New York City

O Bahia está em uma fase de montagem de elenco, com vários jogadores chegando ao clube para assinar contrato. Dentre eles, alguns nomes que vêm por empréstimo de equipes que fazem parte do City Group, como Acevedo, Kayky e Diego Rosa.

Dessa vez, um novo nome surge como possibilidade: Gabriel Pereira, meia-atacante do New York City.

O jogador tem 21 anos e publicou uma foto mostrando que está em Salvador nesta terça-feira (20).

Gabriel é paulistano e fez sua formação de base nas categorias do Guarani, sendo contratado pelo Corinthians ainda no sub-20. Entre 2020 a 2022, jogou pela equipe principal corintiana, com 47 atuações.

Em março de 2022, foi vendido ao New York City por um valor em torno de R$ 27 milhões.

Pela equipe norte-americana, disputou 32 jogos neste ano, com nove gols e quatro assistências.

Gabriel Pereira é agenciado pelo empresário Paulo Pitombeira, responsável pela intermediação das conversas entre Bahia e City Group. Foi ele também quem cuidou da venda do próprio meia ao New York City.

No Bahia, Pitombeira recentemente negociou a renovação contratual do lateral Matheus Bahia, além da vinda e permanência de Ricardo Goulart.

Vale destacar que o volante Nicolás Acevedo, uruguaio, vem do New York City e também já está em Salvador.

instagabriel

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.



casas de apostas brasileiras