é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Nordestão

Publicada em 03 de abril de 2021 às 17h57

Bahia perde para o Fortaleza e segue instável na temporada

Tricolor de Aço não consegue vencer dois jogos seguidos mais uma vez

Victor de Freitas

rossi34
Fonte: Rafael Machaddo / EC Bahia

O Bahia encarou o Fortaleza, fora de casa, e perdeu por 2 a 1. A partida foi válida pela sétima rodada da Copa do Nordeste 2021.

Com a derrota, o Esquadrão perde a chance de encaminhar ou até garantir a classificação para a segunda fase do torneio regional. Além disso, o Tricolor já é ultrapassado pelo Ceará e pode terminar a rodada fora do G-4 caso Sampaio Corrêa e Treze vençam seus jogos.

A oitava e última rodada da primeira fase do Nordestão acontece no próximo sábado (10), quando o Bahia receberá o ABC. Antes disso, o Tricolor encara o Manaus FC, pela Copa do Brasil, na quarta-feira (07). Os dois jogos serão em Pituaçu.

O JOGO

Precisando do triunfo para acabar com a instabilidade de resultados no início da temporada, o Bahia levou susto logo no primeiro minuto. David recebeu cruzamento na área e cabeceou. Douglas fez uma grande defesa e evitou o gol adversário.

Para a partida, o técnico Dado Cavalcanti apostou na continuidade do time que goleou o Altos. Porém, os primeiros minutos foram marcados por falta de criatividade e sem incomodar a defesa cearense.

Aos 24 minutos, o placar foi aberto pelo Fortaleza. Após cruzamento na área, Conti nõ conseguiu cortar. Matheus Vargas dominou na linha de fundo e rolou para Matheus Jussa, sozinho fora da área, chutar forte e balançar as redes.

Após sair em desvantagem, o Bahia passou a ter ainda mais dificuldades com a bola no pé. Por outro lado, o Fortaleza levava perigo.

Em uma das chegadas do time da casa ao ataque, Douglas falhou de forma absurda ao deixar a bola passar entre suas mãos na tentativa de encaixá-la. Conti salvou em cima da linha.

Quando o jogo tinha domínio cearense, eis que o Bahia empata a partida com o talento da dupla Rodriguinho e Gilberto. Aos 44 minutos, o camisa 10 deu um passe primoroso para o centroavante chutar forte e deixar tudo igual para o segundo tempo. Esquadrão saiu no lucro para o intervalo.

SEGUNDO TEMPO

Sem nenhuma mudança no intervalo, Dado viu sua equipe levar pressão nos primeiros minutos e passar perto de levar o segundo gol. Wellington Paulista e Robson perderam grandes chances, aos quatro, seis e oito minutos.

Pelo lado do Bahia, o primeiro chute aconteceu de muito longe. Matheus Bahia encontrou espaço e chutou forte. Felipe Alves defendeu.

Aos 14 minutos, no entanto, o Fortaleza fez o segundo gol. Após lançamento para a grande área, David ganhou de Nino na força e chutou sem dar chances para Douglas.

Logo após levar o segundo gol, Dado Cavalcanti promoveu a estreia do meia Thaciano, que substituiu Edson. Também foram a campo Juninho Capixaba e Gabriel Novaes, que entraram nos lugares de Matheus Bahia e Daniel.

O Esquadrão chegou perto de empatar o jogo somente aos 34 minutos, em um lance de bola parada. Após escanteio, a bola foi desviada no meio da área e Gabriel Novaes completou na pequena área. Mas, a bola bateu no travessão.

Na reta final, Dado seguiu o padrão e colocou Alesson em campo, no lugar de Rossi. Matheus Galdezani também estreou, substituindo Patrick.

Com ainda mais dificuldades para chegar à área adversária trocando passes, o Bahia só voltou a levar perigo em chute de fora da área feito por Capixaba.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.