é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Nordestão

Publicada em 29 de abril de 2021 às 18h52

Dado vê final sem favorito e projeta jogos contra o Ceará

Técnico diz que retrospecto não entra em campo

Victor de Freitas

dado34
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

A bola vai rolar para as finais da Copa do Nordeste a partir deste final de semana. No sábado (1º), o duelo de ida entre Bahia e Ceará está marcado para acontecer em Pituaçu, às 16h. Às vésperas da decisão, o técnico Dado Cavalcanti falou sobre suas expectativas para as partidas.

O Esquadrão chega à final motivado por uma sequência positiva de resultados, mas encara na decisão o mesmo adversário que o derrotou na final de 2020 e nos dois jogos do último Brasileirão.

Apesar do retrospecto recente ser desfavorável, Dado Cavalcanti afirma que não há favorito para esta final, pois histórico de jogos não entra em campo e os dois melhores times deste campeonato estarão se enfrentando.

“Final não tem favorito. Duas equipes que qualquer uma delas pode vencer, ser campeã. Minha expectativa é entrar em campo com nível de concentração dos jogos decisivos que enfrentamos anteriormente. A final está em aberto. Não tenho dúvida que será dois grandes jogos, confrontos entre duas grandes equipes. Então, histórico, retrospecto, favoritismo, tudo isso fica em segundo plano na hora da decisão”.

“Retrospecto não entra em campo. Nós vamos procurar fazer nosso trabalho, que estamos fazendo, construindo uma história com o grupo na temporada 2021. Com jogadores que nem sabem sobre isso, por isso que essa condição não será internalizada. Nossa dificuldade será o confronto contra um time qualificado, time forte, com defesa expressiva. Nosso foco é justamente na busca de possibilidades para que a gente consiga passar por esse adversário, vencer essa defesa, vencer o confronto e trazer o troféu para Salvador”.

Melhor ataque x melhor defesa

O Tricolor de Aço tem o ataque mais positivo da Copa do Nordeste, enquanto o Ceará é o time que menos levou gols.

“Duelo bem interessante, melhor ataque contra a melhor defesa. Acredito muito que as duas melhores equipes do campeonato estarão se enfrentando na final. A preparação, em todos os momentos, contra todos os adversários, sofre ajustes. Existe um direcionamento para o adversário, o que não será diferente contra o Ceará”.

Envolvido com o clube na busca pelo título

“Título é título, vencer campeonato é algo que qualquer profissional almeja. Não é diferente comigo e muito menos com o Bahia, que é um clube acostumado a levantar troféus. Estou com as mesmas ambições que meu clube, que a minha equipe. Tenho a mesma paixão que o nosso torcedor. Estou completamente envolvido, esquecendo qualquer outra condição individual ou qualquer aspecto pessoal. Hoje meu envolvimento é em cima da conquista que o Bahia merece e que vamos buscar”.

O Bahia treina novamente nesta sexta (30) e encara o Ceará neste sábado (1º). O duelo de volta acontecerá no próximo sábado (08), em Fortaleza.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.