é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Brasileiro

Publicada em 20 de novembro de 2020 às 21h52

Bahia é atropelado e perde por 4 a 0 para o Red Bull Bragantino

Esquadrão não conseguiu reagir após levar três gols em 20 minutos

Victor de Freitas


Clique aqui e se inscreva no Canal ecbahiapontocom no Youtube!

2020-11-20-21-22_caparedbullbragantinoxbahia
Fonte: Rafael Machaddo / EC Bahia

O Bahia visitou o Red Bull Bragantino e saiu de campo goleado por 4 a 0. A partida foi válida pela 22ª rodada e disputada no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista.

Com a goleada sofrida, o Esquadrão segue em nono lugar, com 28 pontos, mas permite a aproximação do próprio Red Bull, que chega à décima posição, com 26.

A próxima partida do Bahia acontecerá na terça-feira (24), contra o Union Santa Fe, pela Sul-americana. No sábado (28), o Tricolor encara o São Paulo pelo Brasileirão. Os dois jogos acontecem em Salvador.

O JOGO

Motivado após quatro triunfos seguidos na temporada, o Esquadrão foi surpreendido com um gol sofrido logo aos três minutos.

O meia Claudinho aproveitou sobra de bola, após a defesa tricolor afastar mal um cruzamento, e concluiu para o fundo das redes. Foi o primeiro do Red Bull Bragantino. E o segundo não demoraria a acontecer.

Aos dez minutos, o lateral-esquerdo Luan Cândido cobrou falta de longa distância e Douglas executou uma grande defesa. No rebote, a bola sobrou para Claudinho, que chutou e ampliou a vantagem do time paulista.

Com a posse de bola e dominando as ações ofensivas, o Massa Bruta quase fez o terceiro gol aos 17 minutos. Novamente ele, Claudinho, recebeu passe na grande área e chutou na direção do ângulo de Douglas. Desta vez, a bola tocou na defesa e passou por cima do travessão.

O terceiro gol do Red Bull aconteceu aos 20 minutos. Elias tentou dar passe para Gregore, que estava pressionado perto da grande área. A bola foi roubada, Raul entrou na grande área e deu passe para Ytalo ampliar a vantagem.

Após ser atropelado nos primeiros minutos, o Bahia, enfim, conseguiu equilibrar a partida, evitando ataques do adversário. Apesar disso, continuava a ter dificuldades e não levava perigo ao goleiro Cleiton.

SEGUNDO TEMPO

Mano Menezes promoveu duas mudanças para tentar minimizar o placar sofrido na primeira etapa. Edson e Rossi entraram nos lugares de Elias e Fessin após o intervalo.

Mas o panorama da partida não foi alterado. Logo aos cinco minutos, o atacante Ytalo recebeu lançamento longo por trás da defesa e tocou para Helinho marcar o quarto gol da equipe da casa.

Após passar perto de levar o quinto gol, em chute de Artur, o Bahia finalizou com perigo pela primeira vez aos 22 minutos do segundo tempo. Élber recebeu passe na grande área e chutou por cima do travessão.

No restante da partida, o Bahia tentou esboçar uma pressão em busca do gol de honra, mas não conseguiu balançar as redes.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.