é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Baiano

Publicada em 19 de janeiro de 2020 às 11h28

Bahia entra no Estadual buscando feito que não consegue desde 1988

Esquadrão é o atual bicampeão estadual e busca repetir tri que não vem há 32 anos

Victor de Freitas

2019-04-21-19-32_capacampeaobaiano2019
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

Segundo campeão estadual do país, o Bahia levantou o troféu das duas últimas edições do Campeonato Baiano, o Bahia entrará na disputa de 2020 com o objetivo de conquistar o tricampeonato, um feito que o Tricolor de Aço não consegue desde 1988.

A última vez que o Bahia conquistou três títulos estaduais consecutivos aconteceu durante um dos melhores momentos da história do clube, entre 1986 e 1988, com a mesma equipe que conquistou o bicampeonato brasileiro.

Desde então, o Esquadrão de Aço conquistou no máximo dois títulos seguidos no Estadual, sobretudo durante os piores anos vividos pelo clube tricolor, na primeira década dos anos 2000.

Últimos tentativas de conquistar o tri estadual

Entre 1993 e 1994, o Esquadrão conquistou a taça de campeão baiano, com o Vitória ficando como vice-campeão nas duas ocasiões. Já em 1995, o Tricolor não conseguiu chegar à fase final.

Em 1998, o Bahia levou a melhor novamente sobre o rival rubro-negro e, em 1999, uma enorme polêmica extracampo fez com que os dois rivais fossem considerados como campeões do mesmo campeonato. Já em 2000, a busca pelo tri foi interrompida pelo título do Vitória.

A partir daí, o Esquadrão sofreu rebaixamentos, dois anos na Série C e uma enorme crise política que afetou a triunfante história tricolor nos primeiros anos do século XXI.

Porém, o gigante conseguiu se reerguer anos depois para retomar a hegemonia estadual e reassumir o posto de maior potência do futebol nordestino, após o sucesso da intervenção e reconstrução do clube por meio da democracia.

A última vez que Bahia conquistou um bicampeonato aconteceu entre as temporadas de 2014 e 2015, em títulos sobre Vitória e Conquista. Já em 2016, o time rubro-negro levantou a taça na Fonte Nova e evitou um novo tri.

Na edição de 2016, o Esquadrão fechou a primeira fase com a melhor campanha, conquistando 15 pontos em seis rodadas, o que lhe deu direito de decidir todas as fases de mata-mata dentro de casa.

Nas quartas e nas semifinais, a equipe tricolor não encontrou dificuldades para eliminar Bahia de Feira e Fluminense – ambos com 4x1 no placar agregado.

Já na final, o Tricolor encarou o Vitória precisando de dois resultados iguais. Na ida, o time rubro-negro venceu por 2 a 0 jogando no Barradão. Na partida de volta, o Bahia venceu apenas por 1 a 0.

Na ocasião, as partidas decisivas foram marcadas por polêmicas de arbitragem, incluindo um pênalti não marcado no volante Feijão, nos minutos finais do segundo jogo - o que poderia dar o título ao Bahia.

Chance de tri em 2020

Vivendo um momento positivo dentro e fora de campo, a equipe tricolor é a atual bicampeã e terá uma nova chance de levantar o tri neste ano.

Após títulos “tranquilos” nos últimos dois anos, diante de Vitória e Bahia de Feira, nas respectivas finais, o Esquadrão disputará a competição estadual com sua equipe sub-23 neste ano – assim como o rival rubro-negro também fará.

A oportunidade de repetir um tricampeonato estadual está nas mãos do time dirigido por Dado Cavalcanti.

Quer 30 dias de DAZN grátis e assistir o jogo de volta do Bahia na Sul-Americana? Clique aqui e cadastre-se hoje!
leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.