é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Brasileiro

Publicada em 11 de outubro de 2020 às 17h58

Bahia leva gol de pênalti e perde para o Fluminense no Maracanã

Esquadrão sofreu gol no segundo tempo e acumulou nova derrota

Victor de Freitas


Clique aqui e se inscreva no Canal ecbahiapontocom no Youtube!

2020-10-11-17-45_capafluminensexbahia20201
Fonte: Divulgação / Fluminense FC

O Bahia visitou o Fluminense, neste domingo (11), e perdeu por 1 a 0. A partida foi válida pela 15ª rodada da Série A e disputada no Maracanã.

Com o revés sofrido longe de casa, o Bahia segue com 15 pontos, em 13º lugar, e aguarda os demais jogos da rodada, podendo perder até mais quatro posições.

A próxima partida do Esquadrão será contra o Goiás, novamente fora de casa, na próxima sexta-feira (16).

O JOGO

Jogando fora de casa, o Esquadrão de Aço viu o Fluminense criar as primeiras oportunidades gol da partida, em chutes de Fernando Pacheco e Fred.

Pelo lado do Bahia, Gilberto levou perigo ao gol adversário com um chute forte de fora da área. A bola passou perto da trave.

Durante a primeira etapa, o jogo foi marcado por falta dificuldades de criar jogadas por parte do Tricolor de Aço. Com isso, o goleiro Muriel pouco trabalhava.

Por outro lado, Douglas precisou trabalhar por algumas ocasiões durante os 45 minutos iniciais.

SEGUNDO TEMPO

Já na segunda etapa, o Fluminense novamente criou risco para o Bahia nos primeiros minutos. Aos seis, Fernando Pacheco acertou um chute que explodiu na trave e em seguida parou nas mãos de Douglas.

O Tricolor de Aço chegou perto de abrir o placar aos 17 minutos. Após sobra de bola na área, Rossi chutou de primeira e viu a bola passar perto do travessão.

Insatisfeito com a criação de jogadas do Esquadrão, Mano Menezes promoveu duas substituições: Saldanha e Marco Antônio entraram nos lugares de Gilberto e Daniel.

Aos 25 minutos, a arbitragem assinalou penalidade em lance de Gregore contra Nenê perto da linha de fundo na grande área. O próprio Nenê cobrou e abriu o placar para o Fluminense.

Logo após ficar em desvantagem, o Esquadrão criou uma oportunidade que terminou em cabeçada de Saldanha, que mandou por cima do travessão.

Mano promoveu mais alterações na reta final da partida. Fessin ganhou uma nova chance, substituindo Rossi. Élber e Nino também entraram, nas vagas de Clayson e Ernando.

Após as cinco modificações realizadas, o Bahia até conseguiu exercer pressão ofensiva sobre a defesa carioca. Mas, ainda encontrando dificuldades para finalizar em boa situação.

No fim da partida, a reclamação de Mano Menezes pedindo para que o time acerte o gol resumiu o que foi a atuação tricolor.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.