é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Entrevista

Publicada em 29 de junho de 2020 às 14h08

Bellintani espera por retorno das competições em julho

Presidente tricolor fala sobre retorno dos torneios com segurança

Victor de Freitas

2020-06-18-14-31_capabellintani47
Fonte: Reprodução / Youtube

Junho está acabando nessa próxima terça-feira (30) e com ele também deve ser encerrada a paralisação das competições de futebol no Brasil, iniciada em março e que permanece em quase todos os estados até então.

Com três meses e meio de paralisação das competições, dirigentes da CBF, federações estaduais e de clubes estão se movimentando, nos bastidores, para retomar o futebol, mesmo que sem público, a partir dos próximos meses.

Depois de a CBF indica o dia 9 de agosto como provável início do Brasileirão, o presidente Guilherme Bellintani espera pelo retorno das competições regionais nesse mês de julho.

"A gente já voltou aos treinos e entramos na terceira semana de testagem de atletas. No segundo ciclo não tivemos nenhum novo contaminado, hoje fizemos o terceiro e esperamos não ter nenhuma contaminação. Em relação aos jogos, temos a expectativa de que governador e prefeito liberem os jogos em julho e, após essa liberação, com muita cautela, sem pressa e se tivermos condições, estamos preparados para voltar. Naturalmente isso cabe às autoridades sanitárias", afirmou o presidente tricolor, em entrevista à CNN Brasil.

O estado que saiu na frente, em meio a críticas e elogios, na retomada da competições foi o Rio de Janeiro, que, inclusive, planejar abrir os portões dos estádios já no dia 10 de julho.

Para Bellintani, não é o momento de pensar em público nos estádios.

“Entendo que não é o momento de retornar ao futebol com público. Nenhum lugar do mundo voltou e o meu posicionamento, pelo cenário da Bahia que vejo, o mais coerente é haver a volta dos jogos e somente após o estudo dos jogos sem público, eventualmente, no momento, com autorização das autoridades que entendem. No primeiro momento acho um pouco temeroso, já que nenhum outro lugar do mundo voltou", disse.

O presidente também diz que o processo de retorno das competições deve ser feito de maneira gradual, pensando inicialmente na volta dos regionais e, depois, na volta do Brasileiro.

“Entendo que isso tudo é um processo. Na Bahia temos discutido a volta da Copa do Nordeste. Sendo rigoroso no protocolo e na fiscalização do cumprimento desse protocolo, entendo que é bem possível voltar. Dando certo esse protocolo, com campeonatos que ainda não tem circulação entre estados e municípios, a gente volta a pensar no Brasileiro para agosto. Tudo é um processo. A gente voltou com treino, aprendeu, voltamos com os regionais sem público, testa a segurança para voltar o Campeonato Brasileiro com viagem e rigor nos protocolos. Estamos entendendo que cada processo vai avançando positivamente", finalizou.

Existe a hipótese de o Baianão ser iniciado na segunda quinzena do mês de julho.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.