é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Brasileiro

Publicada em 01 de dezembro de 2019 às 19h57

Com um a menos, Bahia brilha e vence o CSA fora de casa

Esquadrão atuou com um jogador a menos por mais de 30 minutos durante o segundo tempo

Victor de Freitas

2019-09-08-09-08_capagilberto98
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

Na noite deste domingo (1º), o Bahia visitou o CSA e venceu por 2 a 1. A partida foi válida pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O JOGO

Jogando fora de casa, o Tricolor entrou em campo com a missão de acabar com a má fase que já durava nove partidas. Com bola rolando, o CSA foi quem deu o primeiro susto, com uma jogada em velocidade construída pelo setor direito.

Por sua vez, o Bahia chegou com perigo com uma finalização feita por Élber, de fora da área, aos oito minutos. O chute saiu forte, mas parou em defesa do goleiro adversário.

O arqueiro Jordi parecia que iria se tornar o nome do jogo, após defender finalizações perigosas de Gilberto e Gregore.

GOL DE GILBERTO

Com espaço para chegar ao ataque, o Esquadrão abriu o marcador aos 31 minutos. Dentro da grande área, Flávio deu assistência para Gilberto, que ajeitou para a perna esquerda e chutou rasteiro. Desta vez, sem dar nenhuma chance ao goleiro azulino.

Antes do intervalo, o camisa 1 tricolor, Douglas, foi quem apareceu para salvar o Bahia. Apodi apareceu livre na grande área e quase deixou tudo igual.

SEGUNDO TEMPO

Já na segunda etapa, o Bahia quase ampliou o placar com Ronaldo. Porém, foi surpreendido com um gol marcado logo aos nove minutos. Após cobrança de escanteio, o ex-tricolor Nilton foi mais esperto do que a defesa, se antecipou a Douglas e cabeceou para empatar.

Depois de sofrer o empate, o Tricolor quase voltou a comandar o placar com um forte chute feito por Flávio, aos 13 minutos. Jordi fez grande defesa.

A partida se tornou ainda mais difícil aos 17 minutos, quando Ronaldo levou o segundo cartão amarelo e, consequentemente, foi expulso do gramado.

Mesmo com um a menos, a partida seguiu franca, com oportunidades para ambos os lados. Aos 28, Ricardo Bueno levou perigo com um chute de fora da área. Aos 30, Artur acertou o travessão do CSA.

Aos 35 minutos, Douglas salvou o Bahia com uma defesa em chute de Rafinha.

GOL DO TRIUNFO!

Mas, quem fez o gol foi o Esquadrão de Aço. Após um contra-ataque fulminante iniciado por Gregore, a bola foi passada para Artur, que viu Arthur Caíke mais bem posicionado. O jogador chutou rasteiro e definiu o triunfo tricolor por 2 a 1.

 

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.