é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Brasileiro

Publicada em 22 de outubro de 2020 às 16h45

Espírito de Raudinei: Bahia é quem mais faz gol no fim dos jogos

Esquadrão já decidiu quatro jogos com gol após os 40 minutos do segundo tempo

Victor de Freitas


Clique aqui e se inscreva no Canal ecbahiapontocom no Youtube!

2020-10-22-16-32_capagol20201
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

O Bahia é um eterno gol de Raudinei. Essa frase mais do que nunca tem feito sentido durante esta edição de Campeonato Brasileiro. O Esquadrão é o time que mais faz gols e decide jogos nos últimos minutos do segundo tempo.

Em 17 partidas disputadas na Série A, o Bahia marcou gol após os 40 minutos do segundo tempo em sete jogos e só levou em um.

Destes jogos, em quatro deles o Bahia venceu ou empatou com um gol marcado nos últimos lances da partida.

Foram empates conquistados nos acréscimos contra Palmeiras, Inter e Goiás, além do triunfo sobre o Red Bull Bragantino.

Diante de Corinthians e Flamengo, os gols na reta final não mudaram o resultado de derrota. Já contra o Galo, o terceiro gol confirmou o resultado que havia sido construído antes.

Os gols do Bahia após os 40 minutos do 2º tempo neste Brasileirão:

  • Bahia 2x1 Red Bull Bragantino - Gol de Ernando aos 48’ (+ 2 pontos)
  • Bahia 1x1 Palmeiras - Gol de Marco Antônio aos 50’ (+ 1 ponto)
  • Bahia 3x5 Flamengo - Gol de Daniel aos 45’
  • Inter 2x2 Bahia - Gol de Clayson aos 52’ (+ 1 ponto)
  • Corinthians 3x2 Bahia - Gol de Saldanha aos 44’
  • Goiás 1x1 Bahia - Gol de Fessin aos 50 (+ 1 ponto)
  • Bahia 3x1 Atlético-MG - Gol de Gilberto aos 44’

Bahia estaria no Z-4 se não fossem os gols nos últimos minutos

Caso o Bahia não tivesse marcado os gols que decidiram partidas na reta final, atualmente estaria em 19º lugar, com cinco pontos a menos.

Curiosidades

  • Os sete gols na reta final foram marcados por jogadores diferentes.
  • Cinco dos jogadores que balançaram as redes após os 40 do segundo tempo saíram do banco de reservas.
  • Foram quatro gols marcados em casa e três como visitante.

O lendário gol de Raudinei

No dia 7 de agosto de 1994, o Bahia conquistou o título de campeão baiano em um Ba-Vi que entrou para a história. Foi o dia do lendário gol de Raudinei.

O Bahia foi para aquela final com a vantagem do empate para se sagrar campeão, mas perdia por 1 a 0 até minuto 46 do segundo tempo. Mas foi o desfecho do jogo que entrou para a história.

Reserva após voltar de uma lesão, Raudinei entrou em campo no segundo tempo e marcou o gol do empate - e consequentemente do título estadual de 94 - aos 46 minutos, marcando seu nome na história do Bahia.

Até hoje, sempre que o Esquadrão marca um gol na reta final o nome de Raudinei é lembrado.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.