é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Historico

Publicada em 04 de junho de 2013 às 12h23

Joel Santana manda recado na TV e se diz magoado

Da Redação

Convidado especial do programa Redação SporTV, o técnico Joel Santana falou sobre sua conturbada saída do Bahia, após a derrota vexatória de 7 a 3 para o rival, na Fonte Nova no dia 12 de maio. Após a humilhante partida, o treinador sequer deu entrevista coletiva e foi desligado no dia seguinte. Foi a pior derrota para o rival em 65 anos de história.

No programa, Joel se disse “magoado” pela forma como saiu do clube e reclamou que foi tratado como inexperiente. “Conheço bem os dirigentes do Bahia. Paulo Maracajá, Marcelo, Marcelinho, tenho respeito muito grande. Mas dessa última vez fiquei muito sentido porque eu não fui tratado como merecia, principalmente neste final, onde as coisas não aconteceram e já não vinham acontecendo”, explicou.

“Tentar recuperar um campeonato que estava praticamente perdido. Treinei só 25 dias. Contratei um jogador, o Fernandão, que é este que está fazendo gol”, justificou.

Durante o discurso Joel reclamou da diretoria e disse que esperou um contato durante 15 dias e não teve. “Fui tratado como se fosse inexperiente. Fiquei magoado porque passei 15 dias num hotel e ninguém foi capaz de me dar um telefonema. Eu resolvi vir embora”, contou.

“Uma questão política que me derrubou”, revelou Joel que continuou: “Desde que cheguei lá começaram a depredar minha vida profissional como se eu não tivesse sido nada. É uma coisa que quero apagar do meu currículo, da minha vida. Sou acostumado a trabalhar em clubes grandes.”

“Claro que tive derrotas, mas que o aconteceu, jamais vi. Esta última passagem até hoje ainda durmo com este pesadelo, gostaria que nunca tivesse acontecido. Pensei que tivesse visto quase tudo, mas não vi nada.”

Antes de encerrar Joel Santana ainda elogiou a administração de Marcelo Guimarães Filho, o novo centro de treinamento do clube e pediu para deixar um recado: “Nem sempre o sorriso bonito é do palhaço.”

Leia Também
"Não tem o que dizer", resume Joel após vexame
Derrota é a pior do clube para o rival em 65 anos
Saiu quem não deveria ter nem vindo: tchau, Joel
Bobô ataca direção e Joel sofre em outra enquete

comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.