é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Entrevista

Publicada em 16 de outubro de 2020 às 23h11

Mano destaca reação e diz que precisa corrigir comportamento do Bahia

"A equipe deve mudar esse comportamento de primeiro levar o gol e depois ter a reação", afirma o técnico

Victor de Freitas

2020-10-13-16-31_capamano24
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

O Bahia empatou em 1 a 1 com o Goiás, nesta sexta-feira (16), e terminou a rodada na mesma posição que iniciou. Após o empate que mantém o Esquadrão na primeira posição fora do Z-4, o técnico Mano Menezes avaliou o desempenho de seus jogadores.

Questionado sobre se teria sido a pior atuação do Bahia sob seu comando, Mano Menezes afirmou que essa avaliação é subjetiva. Ele destacou o gramado como prejudicial para a forma de jogar do Bahia e também valorizou o poder de reação.

“Classificar jogo como melhor ou pior é um pouco subjetivo. O campo é de aparentar muita regularidade, é um campo fofo. O jogo fica diferente do que a gente esperava. A gente esperava um gramado muito bom. Então, o jogo ficou lento, ficou difícil para a gente na qualidade de jogo. Acredito que a equipe apresentou coisas boas, como um poder de reação muito forte. Foi buscar um resultado adverso com um homem a menos. Não é fácil jogar com 10 contra 11 naquelas circunstâncias. A equipe teve cinco chances nessas condições. Ao meu ver, houve a penalidade em que o árbitro foi ao monitor e misteriosamente decidiu não marcar. Tivemos a falta de Capixaba com defesaço do goleiro do Goiás, tivemos o gol e duas chances com Elias. Jogadas que foram criadas, mostrando poder de reação e com qualidade melhor do que o que fizemos no primeiro tempo”, comentou Mano Menezes.

Tem sido recorrente o fato de o Bahia começar a pressionar o adversário somente após estar em desvantagem no placar. Para Mano Menezes, é urgente a necessidade de corrigir esse comportamento do time.

“Penso que a equipe deve mudar esse comportamento da questão de primeiro levar o gol e depois ter a reação. Penso que isso é uma questão de comportamento. Não é uma questão tática ou estratégica que decidimos antes. Isso precisamos corrigir sim. Não precisamos estar sofrendo da forma como estamos para depois ter esse tipo de comportamento”.

Expulso na partida, Mano Menezes vai cumprir suspensão e não poderá ficar no banco de reservas contra o Atlético Mineiro, na segunda-feira (19), em Pituaçu.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.