é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Entrevista

Publicada em 07 de novembro de 2020 às 11h48

Mano indica manutenção de modelo de jogo e Fessin como titular

Técnico aprova forma como o time atacou o Melgar

Victor de Freitas


Clique aqui e se inscreva no Canal ecbahiapontocom no Youtube!

2020-10-27-17-22_capamano26
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

O técnico Mano Menezes parece ter encontrado o modelo de jogo ideal para o Bahia. Após a goleada sobre o Melgar, o comandante tricolor afirmou comentou sobre a possibilidade de manutenção do esquema tático com Fessin causando uma movimentação diferente no ataque.

A formação com três atletas no meio-campo, dois pontas e um centroavante, formando um 4-3-3, com variações para 4-2-3-1 e 4-5-1, vem sendo usada por Mano desde o jogo de ida contra o Melgar.

No entanto, a entrada de Fessin como ponta direita altera a forma como o time ataca por este flanco.

Ao invés de sempre partir para a linha de fundo, com Rossi e Nino, o jovem meia-atacante canhoto costuma levar a bola para o centro, armando e finalizando jogadas. Contra o Melgar, foram dois gols e um deles justamente com essa característica.

Satisfeito com o rendimento da equipe nos jogos contra Santos e na goleada sobre o time peruano, na Fonte Nova, Mano indica a continuidade do modelo de jogo e de Fessin na equipe.

“O modelo da equipe pode perfeitamente ser mantido. Não agredimos nada a característica dos jogadores. Fizemos o que eu imagino que possa ser feito. A novidade foi Fessin, na verdade, no lugar de um dos jogadores de beirada. Eu, particularmente, gosto de ver uma equipe assim, porque você começa a ganhar um pouco mais de variação. Quando você tem só dois velocistas na beirada, você vai preparar a jogada para ir para o fundo, para fazer cruzamento de área ou acabamento final. Quando você tem jogadores que, na beirada, também têm capacidade de armar, entrar para o campo, no corredor central, a equipe fica com mais variação. E essa variação dá um jogo melhor e mais dificuldade para o adversário te marcar”, comentou o técnico.

O modelo de jogo com Fessin pela direita é o mesmo pensado para Clayson quando atua como titular jogando pela ponta esquerda, com liberdade para armar o jogo por dentro e finalizar. Foi assim que ele fez as melhores partidas pelo Bahia.

O Bahia vai enfrentar o Botafogo neste domingo, às 18h15, na Arena Fonte Nova.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.