é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Entrevista

Publicada em 26 de maio de 2019 às 22h22

Roger diz que ‘estratégia foi bem executada’ e comemora novo triunfo

"Foi o jogo da estratégia bem executada, com o empenho de todos', avalia o técnico tricolor

Victor de Freitas

2019-05-26-22-15_caparogermachado27
Fonte: Felipe Oliveira / EC Bahia

Pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro, o Bahia recebeu a visita do Fluminense e conquistou mais um triunfo em casa, por 3 a 2, mantendo a invencibilidade e o aproveitamento de 100% dentro de casa na competição. Após a partida, o técnico Roger Machado concedeu entrevista coletiva e avaliou como sua equipe atuou.

Em sua análise, disputado na Fonte Nova, o treinador tricolor afirmou que a estratégia programada para o jogo foi bem executada pelos atletas.

“Melhor que isso só a gente ter controlado um pouco melhor o jogo, principalmente depois da expulsão, mas não é fácil jogar contra a equipe do Diniz. Admiro a coragem que ele transmite para os atletas. A gente organizou taticamente a estratégia do jogo para conseguir pressionar o Fluminense desde o seu campo. Em uma das atrasadas, justamente na estratégia montada, a gente conseguiu o segundo gol. A gente tem que valorizar muito esse triunfo. Foi um triunfo de muita dedicação. Agradecer ao nosso torcedor. Foi o que falei no final do jogo para os atletas, foi o jogo da estratégia bem executada, com o empenho de todos”, falou o técnico do Esquadrão.

Esquema tático segue o mesmo

Roger também garante que a formação tática adotada foi a mesma que já vinha sendo utilizada nos jogos contra o São Paulo, porém com Ramires atuando na vaga que vinha sendo ocupada por Elton.

“O esquema foi o mesmo adotado contra o São Paulo. A diferença foi um jogador mais leve, com as características do Ramires, por dentro do tripé, onde o Ramires se sente mais à vontade. A opção do Arthur Caíke no lugar do Elton foi que o Elton vinha de um recesso por lesão, fez três jogos intensos. Para que a gente pudesse tê-lo em melhores condições, a gente fez essa troca. O esquema foi o mesmo, as peças que foram diferentes”.

Momentos difíceis contra o Fluminense

“Nos momentos que o adversário tem a bola, você conseguir organizar bem a fase defensiva e contra-atacar. Quando conseguimos retomar a bola, não encaixamos o contra-ataque. A gente controlava bem os espaços, mas quando retomava a bola, não encaixava bem o primeiro passo”.

Descanso em meio à sequência de jogos

“Falei para os atletas no vestiário, é descansar, se alimentar bem, a gente acaba abrindo mão de muitas coisas, mas são poucos jogos até a parada da Copa América. Vale o sacrifício. Descansar, corrigir o que tem de corrigir pelas imagens e estar inteiro para o jogo pela Copa do Brasil”.

O Esquadrão segue imbatível sob o comando de Roger Machado em jogos disputados na Fonte Nova. São seis jogos e seis triunfos dentro de casa desde a chegada do treinador ao clube.

A partir de agora, o Bahia volta suas atenções para a Copa do Brasil. Na quarta-feira (29), o Esquadrão recebe a visita do São Paulo, na Fonte Nova, em jogo decisivo por uma vaga nas quartas de finais.

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.