é goleada tricolor na internet

veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Notícia | Política

Publicada em 17 de julho de 2020 às 09h53

TJ-BA retira multa de quase R$ 1 milhão a ex-presidente do Bahia

Ação movida pelo clube contra MGF segue em andamento

Victor de Freitas

2020-05-13-11-15_capamarceloguimaraesfilho
Fonte: Divulgação

Marcelo Guimarães Filho, ex-presidente deposto do Bahia em 2013, não pagará mais a multa de quase R$ 1 milhão que inicialmente havia sido decidida pelo Tribunal de Justiça da Bahia.

Nessa última quinta-feira (16), o ex-dirigente tricolor teve a multa suspensa pelo desembargador José Cícero Landim Neto, que afirma que a aplicação da multa de 2% em relação aos R$ 44 milhões cobrados pelo Bahia deveria ser afastada.

Para o desembargador, não foi identificado como passível de condenação um recurso pedido por MGF durante o processo movido pelo Bahia contra ele.

A ação movida pelo Bahia contra o ex-presidente cobra um total de R$ 44.737.010,14 e segue em andamento.

Os valores cobrados pelo Bahia são por supostas irregularidades encontradas em acordos com a OAS pela Cidade Tricolor, documentos emitidos sem justificativa durante a gestão, dívida com a empresa Ingresso Fácil, multas impostas pelo Ministério do Trabalho e retiradas de dinheiro com notas fiscais falsas.

Ex-presidente divulga nota à imprensa e à torcida

Através de seu site oficial, MGF ainda divulgou uma nota afirmando que confia na Justiça e que agradece a torcedores que teriam manifestado apoio.

"É com satisfação e naturalidade que venho tornar pública a posição do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia, de suspender a decisão de primeiro grau que me condenava a pagar multa de 2% sobre o valor da ação movida pelo Esporte Clube Bahia, contra mim.

A multa aplicada de valor vultuoso foi afastada pelo Tribunal, uma vez que não restou evidenciado elemento de abusividade no recurso manejado pela minha defesa.

Neste momento importante salientar que não deixei de confiar em nenhum momento no poder judiciário, levando sempre a certeza de que a justiça seria feita.

Ainda nesta oportunidade, agradeço a todos os torcedores do Esporte Clube Bahia, que se solidarizaram comigo em meio aos ataques e tentativas de constrangimento que foram intentadas contra minha pessoa.

Vocês são o verdadeiro patrimônio do nosso clube.

Atenciosamente,

Marcelo de Oliveira Guimarães Filho".

leia também
comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros. O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.