é goleada tricolor na internet
veículo informativo independente sobre o esporte clube bahia

Sobe e Desce: Marca de gols com Ceni e erros fora de casa marcam a semana do Bahia

Notícia
Sobe e Desce
Publicada em 8 de julho de 2024 às 08:55 por Victor de Freitas
Tricolor chegou a 101 gols com Rogério Ceni; fora de casa, equipe continua com rendimento ruim
Palmeiras x Bahia
Foto: Rafael Rodrigues / EC Bahia

Cada semana no futebol é marcada por uma montanha russa de acontecimentos, com momentos que podem ser bons ou ruins. No caso do Bahia, listamos nesse texto um ponto positivo e outro negativo acerca do Tricolor de Aço nos últimos dias.

Sobe: Rogério Ceni e os mais de 100 gols na passagem pelo Bahia

Rogério Ceni tem 55 jogos pelo Bahia e nesse período o Esquadrão tem uma marca positiva de 101 gols marcados, quase dois gols anotados por jogo.

O principal destaque desse número é o fato de que atletas de diferentes posições contribuíram para ultrapassar a marca de 100 gols tão rapidamente sob o comando de Rogério Ceni.

E é daí que surgem os artilheiros inesperados. Quem imaginava que Thaciano seria o goleador do Bahia em 2024? E que Jean Lucas já teria sete gols pelo clube nessa altura da temporada?

Além de montar um modelo de jogo que funciona ofensivamente – ao menos na Fonte Nova –, o treinador tem outro feito importante, que é o senso de coletividade dentro do elenco.

Atletas reservas também estão entre os artilheiros do Bahia na ‘era Rogério Ceni’. Entre eles, nomes como Ademir, Ratão, Biel e Estupiñán, que são jogadores que entram frequentemente, mas quase sempre saindo do banco de reservas.

Jean Lucas e rogério ceni, Bahia
Foto: Letícia Martins / EC Bahia

Desce: Erros fora de casa custam caro. E não são novidades

O Bahia perdeu três jogos seguidos fora de casa e segue sem vencer como visitante desde 5 de maio. Já são dois meses sem conquistar um triunfo longe da Fonte Nova.

Contra o Palmeiras, novos erros impactaram no resultado final desfavorável ao Bahia. Dessa vez, Jean Lucas, que é um dos destaques da temporada, falhou – e falhou feio –, três vezes na partida.

Mesmo que o técnico Rogério Ceni tenha afirmado que ele tem crédito, os erros não deixam de acontecer.

Para um time que quer disputar o título do campeonato, ter apenas 25% de aproveitamento em oito rodadas fora de casa é fator certamente eliminatório para essa briga.

Como efeito de comparação, Flamengo e Palmeiras têm mais de 60% de aproveitamento fora de seus domínios, enquanto Botafogo e São Paulo têm mais de 50%.

Por mais que não tenham os mesmos 100% do Bahia dentro de casa, a campanha como visitante faz diferença em uma competição de longo prazo. Afinal, são 38 jogos e apenas a metade acontecerá na Fonte Nova. E quanto aos outros 19 jogos?

Até então, em oito, o Bahia só venceu um, e sofreu pelo menos dois gols em seis dessas partidas. Uma média de gols terrível fora de casa – são quase 2 gols sofridos por jogo.

No que diz respeito ao aproveitamento, é pior do que o de times como Criciúma e Atlético-GO, que acabaram de subir de divisão.

comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ecbahia.com.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral, os bons costumes ou direitos de terceiros.
O ecbahia.com poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios
impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

enquete

Após mais de 50 jogos pelo Bahia, como você avalia o trabalho de Rogério Ceni?
todas as enquetes
casas de apostas brasileiras